Ministério Público Federal comemora 31 anos de atuação em Roraima.

Compartilhe nosso conteúdo!

O Ministério Público Federal (MPF) comemorou na sexta-feira (24) a marca de 31 anos do início da atuação no estado de Roraima. Neste dia, foi inaugurada a sede do MPF em Boa Vista. A criação da Procuradoria da República em Roraima foi resultado direto das alterações promovidas no estado pela Constituição Federal de 1988.

A história da atuação do órgão no estado está descrita no Memorial Digital, disponível no menu superior do site. Ali é possível conhecer a trajetória do parquet desde o início, quando a atuação do MPF contava com os trabalhos de um procurador da República e menos de 10 servidores. Atualmente, o corpo funcional conta com sete procuradores da República e dezenas de servidores e estagiários. No Memorial Digital também é possível ler sobre atuações de destaque do órgão, ver a galeria de procuradores-chefes e imagens históricas.

Para adaptar-se às novas formas de comunicação e manter o público informado sobre as novidades do MPF em Roraima, o cidadão pode acompanhar as notícias pelas redes sociais e pelo site. Acesse nosso perfil no Instagram, no Twitter e no Facebook

O ambiente digital foi imprescindível para manter o MPF próximo à população, mesmo durante os meses de distanciamento social causado pela pandemia da covid-19. Durante esse período se consolidou a plataforma de atendimento digital ao cidadão, disponível no site www.mpf.mp.br/mpfservicos, e em aplicativos disponíveis para celulares com sistemas operacionais Android e iOS.

Atribuições – O MPF possui como missão defender a ordem jurídica, o regime democrático, os interesses sociais e individuais indisponíveis e promover a justiça. São valores do parquet, a transparência, a ética, a independência funcional, a resolutividade, a proatividade, a sustentabilidade e a cooperação. 

O MPF atua como fiscal da lei, mas tem atuação também nas áreas cível, criminal e eleitoral. Na área eleitoral, pode intervir em todas as fases do processo e age em parceria com os ministérios públicos estaduais. Além da atuação perante a Justiça Federal, o MPF age preventivamente, extrajudicialmente, quando atua por meio de recomendações, audiências públicas e promove acordos por meio dos Termos de Ajuste de Conduta (TAC).

Informações e foto: Comunicação Social/Procuradoria da República em Roraima

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts