Projeto de Shéridan classifica de CRIME DE ABUSO DE AUTORIDADE as agressões sofridas por jornalistas.

Compartilhe nosso conteúdo!

A deputada  Shérida (PSDB) apresentou na Câmara dos Deputados projeto de lei para classificar como Crime de Abuso de  Autoridade qualquer ato que impeça o livre exercício do jornalismo  no Brasil.

Shérida disse que o Projeto constitui uma peça fundamental do processo de fiscalização do Estado.

Em respeito à democracia e à imprensa livre, tomei essa iniciativa, diante de tantas atrocidades que sã cometidas contra a imprensa ultimamente”, disse.

Segundo Shéridan, ninguém deve ser desacatado no exercício de sua profissão, inclusive a imprensa. “Lastimável que a maioria destes ataques venha da maior autoridade do País – o presidente Jair Bolsonaro – que xinga, expõe a situações vexatórias e incentiva esta conduta, gerando insegurança para a profissão e para a democracia”.

O líder da República foi o grande responsável pelo crescimento de 167% de casos de agressões contra a imprensa, segundo a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão. Jornalistas foram atacados em 17 de 21 lives promovidas neste ano. Isso não pode ser normalizado”.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts