Mais de 100 estabelecimentos foram fiscalizados em ação no comércio de Boa Vista.

 Mais de 100 estabelecimentos foram fiscalizados em ação no comércio de Boa Vista.

Equipes de fiscalização da Prefeitura vão fiscalizar todos os bares e restaurantes da cidade. FOTO: Secom/Prefeitura

Compartilhe este artigo

Com o objetivo de conscientizar empresários, clientes e população em geral, e controlar o aumento dos casos da covid-19, a Prefeitura de Boa Vista continua reforçando as ações de fiscalização do comércio na capital. Durante a última semana, mais de 100 estabelecimentos foram fiscalizados.

As equipes percorreram o comércio, incluindo bares, restaurantes, supermercados, salões de beleza e outras empresas. Dos estabelecimentos visitados até sexta-feira, 15, foram expedidas notificações para 22 empresas, 13 estabelecimentos foram embargados, 23 autuações foram aplicadas e uma apreensão foi feita.

Algumas casas de show paralisaram as atividades espontaneamente, como forma de colaborar com as medidas visando a redução do número de casos. Em nota, a casa Sant’Ana Hall Music frisou que o momento exige a colaboração de todos em função da nova onda da Covid-19.

“Seguimos as recomendações das normas vigentes quanto às medidas de prevenção e estamos colaborando com os órgãos fiscalizadores para minimizar os riscos para nossos clientes e colaboradores”, finalizou a nota.

A casa Antique Pub também emitiu nota de paralisação de atividades. “Mesmo atendendo as recomendações das autoridades sanitárias, entendemos que o momento requer atenção e cautela. É hora de agirmos, portanto, estamos suspendendo toda a programação desta casa, por 15 dias. Cuidem-se e cuidem do próximo, o momento é de empatia e cooperação, agradecemos a confiança”, concluiu a nota.

Entenda como funciona a fiscalização

A ação é conjunta e reúne fiscais da Vigilância Sanitária Municipal, Secretaria Municipal de Economia, Planejamento e Finanças, Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Meio Ambiente e Guarda Municipal.

São quatro zonas de atuação, onde cada equipe orienta os empresários e funcionários de lojas e demais estabelecimentos comerciais sobre o cumprimento das medidas sanitárias de proteção para conter a disseminação do vírus.

Um dos principais pontos abordados na fiscalização são o cumprimento dessas medidas, o distanciamento social, uso de máscara e álcool em gel e aferição de temperatura. Caso as medidas não sejam cumpridas, o estabelecimento é notificado.

Com informações: Secom/Prefeitura

peronico

http://peronico.com.br

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Posts Relacionados

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: