2ª pesquisa do Ibope aponta crescimento de Teresa de 70% para 74%, projetando vitória já no 1° turno. Todos os demais candidatos juntos somam só 18%.

Compartilhe nosso conteúdo!
A Coluna de hoje | Publicada 00h12
ll
A prefeita Teresa Surita em campanha na noite de ontem. O Ibope lhe confere 74% das intenções de voto na segunda pesquisa.

Como foi anunciado aqui na coluna com exclusividade, o Ibope divulgou ontem no Jornal de Roraima (principal telejornal da TV Roraima/afiliada da Rede Globo), a segunda pesquisa de intenção de votos para a Prefeitura de Boa Vista. E mostrou dados relevantes: primeiro, o crescimento da prefeita Teresa Surita (PMDB) – que disputa a reeleição – que foi de 70% para 74%, o que faz projetar uma vitória em primeiro turno, com uma margem considerável de votos.

O segundo ponto a ser observado na pesquisa de ontem é um avanço dos candidatos Sandro Baré (PP) que foi para 6% e de Abel Galinha (DEM), que chegou a 5%. Percentuais, porém, insignificantes na corrida eleitoral porque não alteram a ponta, dominada vastamente por Teresa. Os demais candidatos que disputam o Palácio 9 de Julho se mantiveram com seus percentuais da pesquisa anterior, divulgada no dia 29 e agosto. Márcio Junqueira (PRÓS), com 2% e os outros Jeferson Alves (PDT), Roberto Ramos (PT), Alex Ladislau (PRP), Kalil Coêlho (PV) e Luís Oca (PSOL), cravaram míseros 1%. Todos juntos, os concorrentes de Teresa somam apenas 18%.

Um terceiro dado a se analisar é o percentual de aprovação da administração de Teresa que mantém um índice expressivo de 72% como boa e ótima. E 24% que considera regular. Ruim e péssimo, ou seja, desaprovação atinge insignificantes 4%. Dificilmente um candidato à reeleição com uma aprovação assim perde uma eleição. Qualquer que seja o cenário. 

E, por fim, o índice de rejeição. No mano a mano, Teresa tem apenas 11%, contra impressionantes 50% conferidos a Abel Galinha. Márcio Junqueira é rejeitado por 43% do eleitor boa-vistense, Sandro Baré (39%), Luiz Oca (26%), Jefferson Alves, Alex Ladislau e Kalil Coêlho (18%) e Roberto Ramos aparece com 15% de rejeição. Neste caso, os eleitores entrevistados podem citar mais de um candidato, portanto os resultados somam mais de 100%. A pesquisa apurou ainda que 5% anulariam o voto ou votariam em branco e 3% não souberam responder em quem vai votar.

O Ibope ouviu 602 pessoas entre os dias 10 e ontem (16). A margem de erro é de 4%, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de quatro pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Roraima sob o protocolo RR-03043/2016 tendo custado R$ 55.350,00 ao canal de TV.

A felícia da prefeita 
ll
Teresa comemorou ontem o resultado da pesquisa mas encorajou seguidores para a reta final da campanha.

A prefeita Teresa Surita correu para as redes sociais para festejar o Ibope, instantes depois de estourar o resultado. “Agradeço a todos os 74% que declararam seu voto pela continuidade do nosso trabalho. Peço a união de todos até o final da campanha, com humildade”, disse.

A prefeita estampa felicidade porém faz uma exortação e um encorajamento aos seus eleitores, seguidores e pessoal de campanha:

Eu fico sem palavras para agradecer a todos que declararam seu voto para mim e que acreditam na continuidade do nosso trabalho. Mas eu quero lembrar que é preciso que a gente continue unido, trabalhando todos os dias porque ainda faltam 15 dias para a eleição. Precisamos manter essa união para que esses 74% se tornem realidade”, disse Teresa.

Rejeição de Abel impressiona
ll
Bem sucedido nos negócios, Abel não conquistou o eleitor da capital e amarga a maior rejeição entre todos.

A rejeição ao candidato Abel Galinha (DEM) impressiona porque trata-se de um empreendedor bem sucedido, gerador de emprego e renda no Estado, com um início até relevante na política como vereador, mas talvez o modelo que escolheu para sua campanha, o denuncismo e ataques à administração da prefeita Teresa esteja lhe causando essa recusa toda.

Abel saltou de 42% de rejeição na primeira pesquisa, de agosto, para 50% na amostragem de ontem. E embora tenha pulsado de 2% para 5% das intenções de votos na pesquisa de ontem, isso não significa nada porque não altera o resultado na ponta. O discurso negativo de Abel definitivamente não alavancou sua campanha.

Há estudos recentes, feitos pelos melhores marketólogos do país e por cientistas políticos consagrados que mostram que atualmente a campanha negativa prejudica o candidato que ataca, o chamado “efeito bumerangue”, ou seja, “quem bate, perde”.

Chico Rodrigues desistiu. A Câmara perde
llll
Chico Rodrigues desistiu de concorrer a uma vaga na Câmara de Vereadores para cuidar da saúde.

O ex-governador Chico Rodrigues não é mais candidato a vereador. Anunciou sua desistência a exatamente 15 dias da eleição [2 de outubro]. Chico foi chamado a cuidar da saúde e por conta da necessidade de se submeter a uma cirurgia, que será realizada em Brasília, largar a campanha foi a escolha mais sensata, talvez, amarga.

Pelo histórico de vida pública que carrega certamente teria assento no Plenário da Câmara de Boa Vista. Foi um deputado voluntarioso e um dos congressistas mais expressivos da história política roraimense.

Chico sai de cena, pelo menos por enquanto. Perde a Câmara de Vereadores, seguramente, um grande parlamentar.

R$ 3,5 bi para 2017
lll
O Palácio Senador Hélio Campos – sede do Governo – projeta um orçamento de R$ 3,5 bi em 2017.

Os deputados estaduais já foram avisados: até dia 30 deste mês estarão recebendo o anteprojeto da Lei Orçamentária Anual para 2017, que será encaminhado pelo Palácio Senador Hélio Campos. Uma vez protocolado na Assembleia terá que ser apreciado e votado até o dia 22 de dezembro.

A previsão orçamentária é de R$ 3,5 bilhões, incluindo as contribuições do Instituto de Previdência do Estado de Roraima (Iper). Representa um aumento de 1% do PIB e 6% da inflação em relação ao orçamento de 2016, segundo o secretário.

Por estar passando por um momento de crise econômica, o planejamento do orçamento do Governo de Roraima será dentro do que é possível estabelecer e vai ocorrer uma redução do Fundo de Participação do Estado (FPE) em relação ao estimado no orçamento de 2016.

A PAMC em ebulição
ll
Situação em uma das alas da Penitenciária onde os presos se amotinaram na manha de ontem.

Aconteceu o que era previsto: detentos da Penitenciária Agrícola do Monte Cristo (PAMC) se amotinaram ontem, quebraram as celas, queimaram os colhões e ainda usaram fios da rede elétrica para energizar as grades. A agitação só foi contida depois que todas as alas da PAMC foram ocupadas por forças de segurança do Governo.

Em nota a Secretaria de Justiça e Cidadania considerou duas possibilidades para o motim: a primeira em decorrência da morte de Jairo de Moraes, conhecido por ‘Cowboy. Depois por conta de uma ordem judicial que determina a prorrogação por mais 30 dias prisão em Regime Disciplinar Diferenciado – RDD, aplicada ao reeducando Evaldo Lira.

Acabou a greve na enfermagem
Pátio externo do Hospital Geral ontem a tare sem a presença dos grevistas que ocupavam o local.
Pátio externo do Hospital Geral ontem a tare sem a presença dos grevistas que ocupavam o local.

Profissionais de enfermagem do quadro do Estado – Enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem – decidiram finalmente colocar um fim na greve da categoria eu já durava 10 dias.

Em comunicado oficial, a categoria informou “a retomada das atividades e na tarde de hoje, os profissionais já reassumiram os postos”. A decisão judicial previa o retorno às funções no serviço público no prazo de 24 horas, sob pena de multa diária de R$ 5 mil por dia em caso de descumprimento.

Ontem à tarde o Hospital Geral de Roraima, a maior unidade de saúde do Estado, já retomou a realização de cirurgias eletivas, priorizando os pacientes internados. As demais unidades em todo o Estado também normalizaram o atendimento.

Funasa tem novo gestor
llll
O novo superintende regional da Funasa tomou posse ontem na presença de servidores do órgão.

O economista Anselmo Menezes Gonçalves é o novo superintendente da Funasa em Roraima. A posse aconteceu na manhã de ontem. É uma indicação do deputado federal Hiran Gonçalves (PP).

Anselmo tem 38 anos, é paulista e está em Roraima a mais de 20 anos. É servidor público Estadual, formado em Economia pela Universidade Federal de Roraima, com especialização em Finanças Públicas pela Fundação Getúlio Vargas.

Entre as funções exercidas está a coordenadoria de Planejamento da Secretaria Estadual de Gestão Estratégica e Administração, professor substituto do curso e Economia da UFRR, conselheiro Efetivo do Corecon/RR e mais recentemente havia assumido a Coordenação de Orçamento da Câmara dos Deputados.

Dom Mário Antônio da Silva 
lll
Dom Mário chega a Boa Vista hoje onde será recebido no Aeroporto pela população.

Hoje os roraimenses receberão oficialmente Dom Mário Antônio da Silva, seu novo bispo diocesano. O prelado atuava como Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Manaus. O novo bispo chegará a Boa Vista neste sábado, em um voo comercial às 13h30min, quando será recepcionado pela comunidade católica.

No dia 22 de junho de 2016, o Papa Francisco optou pela transferência, fazendo-o sucessor de dom Roque Paloschi, que em dezembro de 2015 foi transferido para a Arquidiocese de Rondônia.

A posse será no domingo (17), com uma missa campal em frente à Catedral Cristo Redentor, na Praça do Centro Cívico, no Centro de Boa Vista (RR). A missa está prevista para começar às 17 horas

Presos: trabalho para indenizar gastos do Estado
ll
Além de cumprir a pena pelo crime cometido o preso terá que indenizar o Estado, segundo o projeto.

A Comissão de Segurança Pública da Câmara aprovou um projeto de lei para garantir que os presos indenizem as despesas que geram ao poder público com sua prisão, assistência à família e danos. A medida é prevista na Lei de Execução Penal, mas dificilmente é implementada.

Por isso, o projeto obriga os diretores de presídios a apresentarem um plano que obrigue os condenados a ressarcir o Estado, por meio de convênios com empresas ou trabalhando em instalações penais.

O autor da proposta é o deputado Delegado Waldir (PR-GO). O relator é Jair Bolsonaro (PSC-RJ).


CONTATOS: www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.
Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts