Acordo de Suely com o ditador Maduro para repatriar venezuelanos é puro ‘factoide’ político.

Compartilhe nosso conteúdo!
A Coluna de Hoje | Publicada 00h12
Suely foi a Caracas, num bate e volta, e agora fala que vai devolver os imigrantes. Foto | Gov/RR

Um acordo ‘factoide’ anunciado por Suely Campos como o presidente ditador Nicolás Maduro para agilizar a repatriação de imigrantes, firmado na quinta-feira em Caracas, não repercutiu bem em nenhum dos dois lados da fronteira. Para especialistas brasileiros, o pacto é inconstitucional, uma vez que políticas de migração e controle fronteiriço são competências do Governo Federal, e não dos estados.

A Agência Estado consultou constitucionalistas e diplomatas. Os especialistas disseram que a missão de Suely estaria atropelando as tratativas do governo federal sobre o tema. De acordo com o Artigo 21 da Constituição brasileira, manter relações com Estados estrangeiros é de competência da União.

Suely anunciou que disponibilizará ônibus para levar os venezuelanos até a cidade de Pacaraima, na fronteira. De lá, eles seguirão viagem com apoio do governo de Maduro, dentro do programa chamado Volta à Pátria. Também ficou acertado que o governo Maduro fará manutenção no Linhão de Guri, que fornece energia da Venezuela para Roraima, para evitar novos apagões no estado.

Pelos acordos internacionais de migração governos estaduais só podem fazer acordos de cooperação internacional apenas nas áreas de sua competência, como políticas públicas para educação, segurança e saúde.

Portanto, este acordo é inconstitucional e fere o compromisso brasileiro de não devolver solicitantes de refúgio aos seus países de origem, com base na Lei nº 9.474/97. Esse factoide é na verdade uma estratégia política de visibilidade no período eleitoral, tentando salvar o improvável, a candidatura de Suely.

A Casa Civil, da Presidência da Repúblicas, se manifestou avisando que o tema não é da competência dela [Suely].

Aliança com um ditador
Essa aliança com o ditado certamente terá um revés na campanha de Suely.

Eu cantei a bola aqui no Blog: dois dias depois de visitar o ditador Nicolás Maduro, no Palácio Miraflores, em Caracas, Suely Campos apareceu no horário eleitoral do jeitinho que prenunciei. Ela afirmou que finalmente resolveu o problema do fluxo migratório, devolvendo os venezuelanos ao país natal, o que não é verdade.

Ela não resolveu nada, nem a questão migratória – pois os venezuelanos continuam chegando a Roraima em grande número – nem o problema energético, porque não tem competência para tanto.

O que há de fato é que existe uma previsão para o envio dois ônibus com venezuelanos que querem regressar. Mas a grande maioria não quer retornar à Venezuela porque as condições de vida lá não melhoraram.

Por outro lado esse acordo teatral com Maduro vai respingar ainda mais na estrutura de imagem de Suely, já bastante debilitada. Os roraimenses que adoram a Venezuela, sobretudo quem viajava de férias todos os anos para Margarita, não querem nem ver a figura indesejada de Maduro. Ou seja, Suely deu um tiro nos próprios pés.

Quando bate o desespero
Ivo Galindo (vestido de guarda costas) está abusando com suas entrevistas na FM 94.1.

O pessoal de Suely tá feito barata tonta. No sábado, por volta de meio dia, falando de um celular, o Ivo Gallindo (adjunto da Casa Civil) interrompeu a programação da Rádio Tropical, 94.1 FM, que virou palanque de Suely, e danou-se a falar besteiras.

São tantas bobagens que agridem a inteligência dos roraimenses, sobretudo daqueles que conhecem a realidade atual de Roraima. E uma violação aos princípios da isonomia, porque se a Rádio é usada acintosamente pela turma de Suely, tem a obrigação também de abrir espaço para os demais.

Mas vejam o que disse o desabonado Ivo Galindo: “A governadora Suely Campos já tinha conseguido com Dilma (ex-presidente) a construção do Linhão de Tucuruí. Mas o Michel Temer desfez o contrato porque preferiu instalar usinas termelétricas, em um acordo com o senador Romero Juca”.

Isso é hilário, algo absolutamente patético. É até compreensivo que o desespero nessas horas leva o ser humano e cometer desatinos. Só que as fanfúrrias do Ivo de tão patéticas chega a nos causar um sentimento de compaixão: tadinho.

Por acaso esse rapaz pensa que os roraimenses têm os buracos da venta virados para cima?

Não sai do chão
Suely quer transformar em factoide político seu encontro com o ditador da Venezuela.

A ida de Suely ao Palácio Miraflores tem um único objetivo: turbinar a campanha que não pára de declinar. Na verdade, não decolou.

Não precisa ser analista político para que se compreenda que a tática não terá retorno político nenhum. Foi um verdadeiro disparo nos pés.

Faltando 16 dias para o domingo 7 de outubro, o dia da eleição, nada do que Suely anunciou após o retorno da audiência com o caudilho venezuelano acontecerá.

Nada é impossível. Ocorre que o tempo urge e em duas semanas será inexecutável esse plano excêntrico de repatriar milhares de imigrantes e consertar a linha de Guri, quase inservível por falta de manutenção.

Mãos limpas, nem tanto…
Ângela foi eleita deputada federal em 2002 com a ajuda da máquina do Governo.

Fico abismado com quem no passado deixou algum rastro de sujeira e agora aparece na propaganda política com essa história de mãos limpas. Conversa fiada.

Quando foi eleita deputada federal e Flamarion Portela eleito governador em 2002, a senadora Ângela Portela viu seu marido ser cassado mais tarde em 2004 devido ao uso da máquina administrativa na campanha eleitoral e compra de votos. Isso num é crime não? Claro que é.

Ai vem com essa conversa fiada e blá,blá,blá que não tolera corruptos. Ora, não me venha com churumelas, senadora. Por acaso a candidatura de dela não foi beneficiada naquela ocasião, com o uso da estrutura oficial?

Deixa Ottomar em paz, Telmário!
Telmário usa a figura de Ottomar como um totem de sua campanha, degradando a imagem do brigadeiro.

Ottomar Pinto está sendo rememorado da pior forma nessa campanha. Telmário Mota achou de se assemelhar ao velho brigadeiro, que foi certamente  a mais proeminente figura pública de Roraima enquanto esteve vivo.

Telmário está se apropriando da memória de Ottomar para tentar atrair eleitores para a sua campanha, mas não tem sido correspondido. Sinceramente não há correspondência nenhuma entre ambos.

Ottomar era um homem íntegro, inteligente, dono de uma extraordinária capacidade de liderar, um político austero e responsável no trato com a coisa pública.

Telmário está na verdade achincalhando o passado de Ottomar que a esta altura deve estar se esgaravatando no túmulo. Deixa o homem descansar em paz, Telmário.

Reclamando sem razão
As termelétricas têm fornecido toda a energia atualmente consumida em Roraima.

Ai fica um monte de cabeça de pouco juízo, uns carolas na verdade, reclamando da energia servida das termelétricas.

Sem não fosse as tais usinas a diesel certamente estaríamos todos no escuro, porque a energia que deveria vir da Venezuela não acende uma lâmpada em Roraima desde o último domingo, 16.

Estamos sendo abastecidos sim pelas usinas termelétricas. É uma energia cara, poluente, mas é a que temos.

Técnicos da Aneel anunciaram que a energia proveniente da Venezuela perdeu sua confiabilidade e por isso, em acordo com a Eletrobrás, o país vizinho não tem abastecido Roraima há cinco dias.

Iteraima sem salários
No Iteraima os salários de agosto ainda não foram pagos. Tudo pára hoje.

Os servidores do Instituto de Terras e Colonização de Roraima (Iteraima) vão paralisar as atividades nessa segunda-feira.

A decisão foi tomada porque o Governo de Suely ainda não efetuou o pagamento dos salários de agosto.

Segundo os organizadores do movimento, a paralisação irá ocorrer durante todo o dia em frente a sede do prédio.  Mas se não ocorrer o pagamento, existe a possibilidade de uma greve geral por tempo indeterminado.

Novos circuitos Led | A prefeita de Boa Vista, Teresa Surita, inaugurou mais dois circuitos de iluminação Led, nas praças do Cambará e João Mineiro, no bairro São Francisco. As antigas lâmpadas foram totalmente substituídas por luminárias mais modernas e duráveis. Na Praça João Mineiro, no bairro São Francisco, foram instaladas 36 lâmpadas de Led de 100w e 38 luminárias ornamentais Isla de 36w. Uma economia de 62%, em comparação à anterior. A Praça do Cambará recebeu 64 luminárias de Led, 30 de 100w, 10 de 150w e 24 luminárias ornamentais Isla de 36w. Uma economia de 58% na conta de energia, maior luminosidade e vida útil quatro vezes maior que a iluminação antiga. A Praça do Cambará também foi revitalizada recentemente. Ganhou uma estrutura mais moderna com área de ginástica, playground, posto de vigilância, banheiros, mini-quadra de futsal, quadra de vôlei de areia, acessibilidade e paisagismo. No próximo ano, a prefeitura vai entrar com o serviço de reforma dos quiosques.

‘Mais segurança para todos’, diz Teresa
Para a prefeita Teresa investir em iluminação garante mais segurança para a população.

Para a prefeita Teresa Surita, investir na iluminação pública garante mais segurança às famílias que utilizam as vias e os espaços de lazer na capital. “São dois espaços muito importante para a cidade e estamos entregando uma iluminação que faz toda diferença na segurança das pessoas que frequentam. Fico feliz também em entregar mais um espaço revitalizado. Agora peço às pessoas que cuidem, porque agora depende da utilidade e de como o local será mantido, sem vandalismo”, ressaltou a prefeita.

Tanto a reforma da praça do Cambará quanto a nova iluminação agradou os moradores, principalmente o comerciante Luiz Souza, 64 anos, que atua há 12 anos no local. “Está tudo maravilhoso agora. Eu já fiquei feliz porque a praça estava sendo revitalizada e melhorou mais ainda com a praça mais iluminada e segura para a população. Acredito até que as vendas aqui meu quiosque vai melhorar 100%”, declarou.

Também moradora do bairro, Evanir Araújo, de 51 anos, sempre que pode aproveita a academia ao ar livre e também elogiou o trabalho da prefeitura. “Essa reforma da praça foi um presente para nós moradores. A prefeita tem feito uma ótima gestão e nós ficamos felizes por isso”, disse.

Pontos de iluminação LED na capital
Boa Vista conta agora com mais de 1.200 pontos de iluminação lede em vários bairros.

Com a inauguração destes novos circuitos, Boa Vista conta agora com 1.229 pontos de iluminação Led. As áreas de lazer atendidos com a modernização da iluminação são: Orla Taumanan, Complexo Ayrton Senna, Praças das Águas, Mané Garrincha, João Mineiro, Igreja Matriz, Fábio Paracat, Praça dos Bambus, Centro Cívico, Barreto Leite, Praça da Bandeira, do Cambará e da Cultura.

As vias que tiveram o sistema de iluminação substituído estão: Alameda Antares (ponte Jardim Caranã – Cidade Satélite), vias ao redor da Praça do Cambará, Av. Sol/Jardim (Cidade satélite), Av. João Alencar (Jardim Floresta), Av. Padre Anchieta (ponte Silvio Leite – Cidade Satélite) e Av. Parimé Brasil (Jardim Caranã).


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts