Em ano eleitoral Governo de Suely contrata empresa de helicópteros de São Paulo por R$ 19 milhões.

A Coluna de Hoje | Publicada 00h13m

Sediada em São Paulo, a Helimarte vai operar helicópteros para o transporte de Suely. Foto | Divulgação

A cada edição do Diário Oficial do Estado (DOE), que é liberada na Internet mesmo que fora do prazo, revela-se o apetite do Governo de Suely para este ano eleitoral. O mais novo contrato milionário firmado envolve uma empresa de táxi aéreo de São Paulo.

No DOE do último dia 23, de n° 3185 – liberado na Internet no dia 28, último dia de fevereiro – o resultado de um pregão eletrônico, através da modalidade registro de preços, estampa a contratação da Helimarte Táxi Aéreo, por R$ 19.260.000,00 (dezenove milhões e duzentos e sessenta mil reais), para a prestação de serviços de transporte de pessoal, em aeronave de asa rotativa (helicóptero).

O enunciado do extrato não especifica o tempo de vigência do contrato – início e término – expressando apenas que a aeronave tem que ter capacidade mínima para 05 (cinco) passageiros mais tripulação, combustível e todos os demais custos e encargos referentes a essa atividade, compreendendo um total de 2.140 (duas mil cento e quarenta) horas de voo.

Essa montoeira de dinheiro deixa expõe as incongruências do Governo de Suely, que se queixa costumeiramente por falta de recursos para inclusive pagar salário em dia. A empresa selecionada, a Hilimarte, com sede na avenida Olavo Fontoura, 1078, Santana (São Paulo), vangloria-se em seu site [www.helimarte.com.br] de ser a melhor empresa de Táxi Aéreo do Brasil.

E podem apostar, a aeronave não será utilizada apenas para deslocamentos de trabalho de Suely pelo interior de Roraima, até porque seu governo não tem nada para mostrar nos municípios. Nem um metro de asfalto, uma escola, um poste que seja para eletrificação rural nas regiões produtoras, uma obra no interior. Nada. Será usado sim na campanha da madame e quem para a conta dessa farra aérea, o meu, o seu, o nosso dinheirinho.

Segurança: Temer libera dinheiro… 

Temer discutiu Segurança Pública com governadores, em reunião no Palácio do Planalto, ontem.

Na reunião do presidente Michel Temer com governadores e ministros ontem (1°) para tratar de segurança pública, o governo anunciou uma linha de crédito de R$ 42 bilhões para os estados investirem na área.

Os recursos estarão disponíveis ao longo de cinco anos. Do montante total, R$ 33, 6 bilhões são do Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Do total, R$ 5 bilhões serão disponibilizados já em 2018, sendo R$ 4 bilhões em recursos do BNDES. Entre 2019 e 2022, serão liberados os demais R$ 37 bilhões, dos quais R$ 29,6 bilhões virão do BNDES.

O prazo médio que os estados terão para pagamento será de oito anos, com dois anos de carência.

… Suely Campos não quer

Suely participou da reunião com Temer mas confessou desinteresse pela linha de crédito do Governo.

Presente ao encontro com Temer a Governadora Suely Campos confessou não ter interesse no financiamento oferecido pelo BNDES, porque Roraima não tem mais capacidade de endividamento, segundo ela, pela herança financeira maldita deixada por José Anchieta.

Logo após a reunião, em entrevista, Suely foi clara ao recusar a linha de crédito, pois para manter os custos da dívida de Zé Anchieta, Roraima desembolsa mais de R$ 22 milhões mensais, muito dinheiro para quem tem tão pouco.

Os recursos fazem parte do Programa Nacional de Segurança Pública que busca reduzir os índices de criminalidade no país. Roraima, pelo visto, ficará de fora.

Codesaima: um ‘cabidão’ de empregos, apenas

Improdutiva e inchada, a Codesaima só causa problemas e muitas despesas para o Estado.

A Companhia de Desenvolvimento de Roraima, que já teve seu auge nos governos do brigadeiro Ottomar Pinto, não passa de uma figura decorativa no Governo de Suely.

Pior, foi transformada em um grande armário onde os políticos aliados do Palácio penduram lá seus cabides de empregos, aos montes, fazendo da velha e surrada Codesaima um andor pesado demais para ser carregado pelas despesas milionárias que gera atualmente.

A Codesaima, ‘administrada’ pelo deputado Jânio Xingu, não produz nada. Não consegue administrar um matadouro sequer, o Mafir, que no Governo de Suely, virou sucata. E tem mais: atualmente emprega mais de 600 pessoas, quando pouco mais de 80 comparecem em sua sede para apenas assinar o ponto (folha de frequência).

Fechados com Brito 

Brito deve ser escolhido conselheiro do TCE para preencher a vaga deixada por Essen Pinheiro.

Parece que a maioria dos deputados fechou questão em torno da eleição do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, para preencher a vaga do falecido Essen Pinheiro.

E o escolhido é o atual líder do Governo na Assembleia, Brito Bezerra, que já demonstrou inclusive e de forma pública interesse pela função.

O processo de escolha não foi iniciado na Assembleia que terá que publicar edital de conhecimento público abrindo período de inscrição.

A comissão absorverá dados dos inscritos e só depois que todos forem analisados um a um é que os nomes serão levados aos Plenário. É ai que Brito ganha de lavada.

Lenir como vice de Anchieta 

Lenir está sendo cogitada para ser candidata a vice-governadora na chapa de Anchieta.

O aniversário do deputado Chico Mozart, comemorado ontem na sala das lideranças, expôs muito mais que um momento festivo.

Entre fatias de bolos, canapés, quitutes e muito refrigerante, um grupo de deputados deixou escapar algo interessante: presente ao ‘Happy Birthday’, a deputada Lenir Rodrigues foi aclamada como vice-governadora.

Logo foi detalhado que pode ser ela [Lenir] a candidata a vice na chapa de Anchieta Júnior. Pelo menos afinação os dois têm de sobra: Lenir foi a super-secretária de educação no Governo do Zé.

Mas para evitar a boataria costumeira a própria Lenir não confirmou essa possibilidade. “Sou candidata à reeleição”, disse. Mas também não descartou nada.

Oleno no estaleiro 

Oleno acidentou-se e por conta de uma fratura não está comparecendo às Sessões da ALE.

Desde que reassumiu suas funções na Assembleia, no final do ano passado, o deputado Oleno Matos não pôs pés na casa. Faltou a todas as Sessões desde o início dos trabalhos legislativos.

Ontem os jornalistas políticos que cobrem as atividades da Casa procuravam por informações sobre a ausência do ex-chefe da Casa Civil do Governo.

‘Oleno está no estaleiro’, revelou o companheiro de Partido, Soldado Sampaio, desfazendo o mistério. É que Oleno sofreu um acidente, causando-lhe fraturas em uma das pernas.

Está ai justificada a ausência. Mas não custa nada uma nota da assessoria sobre as faltas do deputado até mesmo para evitar especulações.

Favoráveis a baderna no trânsito

Oleno e Sampaio questionam a instalação de radares nas vias de Boa Vista. Foto | Reynesson Damasceno

Impressionante o posicionamento equivocado dos deputados Oleno Matos e Soldado Sampaio, ambos do PCdoB, questionando o Ministério Público do Estado de Roraima sobre a instalação de radares eletrônicos nas ruas da capital.

Pela forma como abordam a questão até parecem contrários ao ordenamento do trânsito. Não custa lembrar que os radares disciplinam o condutor e servem como redutor de velocidade, diminuindo a ocorrência de acidentes.

Os parlamentares encostam a queixa no fato de existirem muitas aplicadas nos últimos meses gerando o que eles chamam de ‘indústria’.

Ora, caros representantes do povo. A infração é o pressuposto do ilícito. Se há aplicação da multa é porque o condutor não está respeitando o limite d velocidade fixado para aquele trecho da via.

Outra coisa, vocês não estão, certamente, vivendo em uma aldeia indígena. Radares eletrônicos existem em todas as grandes cidades, pelo menos onde há pessoas minimamente aculturadas.

Inaugurado hoje o Terminal Luiz Canuto ChavesA Prefeitura de Boa Vista entrega nesta sexta-feira, 2, às 10h30, o novo terminal de ônibus Luiz Canuto Chaves. A reforma e ampliação do terminal é parte do Projeto de Mobilidade Urbana da capital, que contemplou a construção de ciclovias, calçadas, pontes, ligações viárias e abrigos de ônibus. O terminal foi completamente reformulado para oferecer mais conforto e segurança aos passageiros.

A mediocridade campeia

O Brasil que passa por um momento difícil, educação capengando, refém da criminalidade, infraestrutura aos pedaços, saúde pública um caos, desemprego elevadíssimo, mas é o mesmo Brasil que prefere preocupar-se com o dedinho mindinho do Neymar.

No país dos medíocres, a razão é um mero detalhe. As pessoas comentam o fato, as redes de televisão abrem espaços enormes para a discussão sobre o dedo mínimo, repórteres e correspondentes internacionais fazem passagens ao vivo, ou seja, um fato absolutamente desprezível virou comoção nacional.

Quanta imbecilidade. Fala sério!


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Mais Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: