Gastança no Congresso: nossos deputados federais e senadores já torraram R$ 1.148.137,00 este ano da Verba Indenizatória.

Compartilhe nosso conteúdo!

 

A Coluna de Hoje | Publicada 00h15

Remídio...
Nos primeiros meses do mandato, o deputado Remídio já gastou quase R$ 125 mil da verba  indenizatória.

Manter a boa vida de um deputado federal e de um senador em Brasília, é custoso, dispendioso, oneroso. Aliás, caríssimo. O dinheiro que sai dos nossos bolsos financia tudo, de passagem aérea ao café da manhã. E apetitosos que nem leão, nossos 8 deputados e os 3 senadores já torraram este ano R$ 1.148.137,00  – Hum milhão, quinhentos e sete mil e duzentos e sete reais – somente da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar, a famosa verba indenizatória. Gastos principalmente com passagens aéreas e divulgação da atividade parlamentar, um escarcéu, porque a maioria não fez absolutamente nada nesses primeiros meses de mandato.

Abel Mesquita é o franciscano da turma: pegou apenas R$ 34.414,00. No mesmo período os demais triplicaram a gastança: faminto, Remídio Monai meteu a mão em R$ 124.688, 00. O apagado Carlos Andrade, já embolsou R$ 76.504,00. Hiran Gonçalves levou R$ 98.187, 00. A musa do Congresso, Shéridan, pegou R$ 90.047,00. A veterana Maria Helena pegou R$ 86.315, 00. E por fim os mais antigos, Jhonatan de Jesus com R$ 152.225,00 e Édio Lopes abancou R$ 128.049,00.

No Senado, Telmário Mota lidera a gastança, embora seja calouro, ou seja, cristão novo. Mesmo assim, com apetite de galo velho bom de briga, já comeu R$ 126.913,00. Ângela Portela pegou R$ 120.732,00 e o senador Romero Jucá, o mais antigo, agarrou apenas R$ 110.063,00. Até maio deste ano, a “cota parlamentar” só da Câmara custou ao contribuinte R$ 46 milhões. E se o ritmo de gastança da cota continuar, a Câmara vai torrar cerca de R$ 140 milhões até o fim do ano só em gastos aleatórios de deputados.

angelacampanhas
Ângela Portela: cada senador custa R$ 33 milhões.

Custo por cabeça

Cada senador brasileiro custa ao país, por ano, R$ 33,1 milhões. Cada deputado custa R$ 6,6 milhões por ano.

São 81 senadores, três por estado e pelo Distrito Federal. Cada um deles recebe, como subsídio, R$ 26,7 mil reais por mês. Mas, para os senadores e deputados, o ano tem 15 meses e não os 13 meses dos trabalhadores e servidores comuns. Além disso, os senadores recebem uma verba de R$ 15 mil mensais para gastos com aluguel de escritórios políticos, combustível, divulgação das atividades, hospedagem e alimentação.

Se não quiser morar em um apartamento cedido por Senado, com cinco quartos e excelente localização, o senador recebe R$ 3,8 mil por mês como auxílio-moradia.

jucacampelo
O senador Romero: a revista IstoÉ não o incomoda.

Nem tchum…

O senador roraimense Romero Jucá num tá nem ai para a revista IstoÉ. A publicação, de circulação nacional, exibiu reportagem sobre possível favorecimento ao senador na transação de um terreno de sua família com a Caixa Econômica Federal.

Raposa velha, Romero tem a devida ciência do histórico burlesco da revista, dada a uma publicação de material direcionado. Ou seja, pago. E como já foi vítima de outros amanhados, não esquenta mais a moringa.

Aliás, se alguém quiser constranger ou pespegar o inimigo com falsidades e embustes e tudo mais, manda o material para a revista, junto com o dinheiro. E o espaço estará garantido. E, de lambuja, ganha um bom destaque.

Justiça sem razão 

A juiza Elaine: impedida de assumir a vaga de desembargadora.
A juiza Elaine: impedida de assumir a vaga de desembargadora.

Não faz o menor sentido essa disposição do juiz Mozarildo Monteiro Cavalcante que por duas vezes brecou a ascensão da colega Elaine Cristina Bianchi ao posto de desembargadora.

O gesto retarda inclusive seu próprio acesso, que seria natural, ao posto de desembargador, na vaga aberta com a aposentadoria de Lupercino Sá Nogueira, já que a vaga deixada por José Pedro Fernandes é a dita cuja que se acha em disputa.

Sobrestar o preenchimento de vagas só prolonga o processo, pois o desembargador presidente, Almiro Padilha, já disse que em 45 dias quer finalizar a investidura nas togas de todos os desembargadores restantes.

Mudanças na LDO 2016

Chagas: haverá mudanças na LDO de 2016.
Chagas: haverá mudanças na LDO de 2016.

 O deputado Coronel Chagas – PRTB -, que é presidente da Comissão Mista de Orçamento, Fiscalização Financeira, Tributação e Controle, afirmou que a Assembleia vai propor mudanças na Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO – encaminhada pelo Governo.

De acordo com ele, o projeto apresenta como prioridades a transferência e aplicações de recursos na saúde e educação, pagamento de pensões em casos sociais, pagamentos de juros e encargos do governo, contrapartidas de convênios e, por último, investimentos.

A LDO de 2016 estabelece como diretrizes aumentar a capacitação de recursos federais, melhorar a arrecadação interna, orientar políticas de desenvolvimento, reduzir as dívidas contratual e flutuante e controlar gastos públicos.

Todos esses pontos precisam ser discutidos. Existem muitos pontos que são de fundamental para importância para o desenvolvimento do Estado porque delimita todos os gastos que o governo e os poderes estaduais podem usar, por isso precisamos deliberar a respeito”, disse Chagas.

Briga de galos. E de raça… 

Telmário: briga intensa com o colega Jucá.
Telmário: briga intensa com o colega Jucá.

As cizânias de Telmário Mota com o colega Romero Jucá não cessam. Virou fixação. Praticamente todos os dias, quando há microfone disponível, lá está o ‘galho velho’ a propor mais um duelo.

E ontem não foi diferente: Telmário pediu aos órgãos de controle do governo federal que investiguem, de forma rigorosa, denúncia feita pela revista Isto É sobre a compra de uma área para construção de moradias pelo programa Minha Casa, Minha Vida em Boa Vista.

Telmário Motta disse conhecer a área e afirmou que ela não vale realmente o valor citado pela revista, que foi de R$ 4 milhões por apenas 26 hectares.

assembleia-legislativa-roraima
Prédio da ALE: Imponente por fora, aparente por dentro.

Desmoronando 

Desde que sofreu a grande reforma e se transformou no que é atualmente, o prédio sede da Assembleia Legislativa apresenta defeitos corriqueiros.

São problemas estruturais graves, um claro destaque de que tudo o que foi executado naquela grande obra de reforma, não foi feito a contento.

Já houve alagamentos, problemas nos elevadores, troca de pisos, reformas em vários ambientes e ontem explodiu a caixa que guarda a distribuição da energia. Isso aconteceu por volta de 10h30. O problema se estendeu por quase todo o dia, deixando todo mundo no escuro. Pelo visto já carece de uma nova reforma.

A culpa é da comunicação

O roliço Anchieta garante que vai voltar.
Anchieta: a culpa do fracasso foi da Comunicação.

O ex-governador Ancheta Junior confessou ao empresário Getúlio Cruz, no programa Agenda da Semana, da Rádio Folha AM 1020, que os erros de comunicação do seu governo foram fundamentais para a má reputação que ficou.

“Eu reconheço, de forma muito clara, que cometi esse erro. O que eu estava fazendo foi muito mal divulgado ao longo da minha gestão”, disse.

Um pecado tal afirmação, porque estava à frente da pasta um dos mais experimentados e qualificados profissionais da comunicação local, o jornalista Rui Figueiredo. O defeito do governo dele era ele próprio, ou seja, José Anchieta Júnior, claro!

Puro revanchismo

Outra bobagem de José de Anchieta é debitar na conta do senador Romero Jucá o fracasso daquele eleição.

A aliança desastrosa a qual se refere, juntou os mais proeminentes cardeais da política local, algo jamais visto. O que de pior existiu ali e que respingou na campanha, era o próprio desastre que foi o governo de Anchieta, herdado por Chico Rodrigues e que fracassou pela falta de pulso e de autoridade, pois se achava como noiva no altar, deslumbrado.

O certo mesmo é que Anchieta só conseguiu atravessar os quase sete anos turbulentos no poder porque tinha justamente o Romero Jucá como esteio. Não fosse isso, dançaria no primeiro bailado.

Os mesmos pássaros 

Os tucanos Shéridan e Anchieta: festa no ninho.
Os tucanos Shéridan e Anchieta: festa no ninho.

O ex-deputado federal Elton Rohnelt bem que tentou. Mas não conseguiu remover Anchieta Junior da presidência do PSDB aqui em Roraima. Elton entregou um relatório ao presidente Aécio Neves, apontando uma série de irregularidades na administração da sigla, sobretudo com desvio da verba do fundo partidário. Não deu em nada.

No final de semana houve encontro dos tucanos e o ninho continua sendo habitado por Anchieta, tendo a deputada Shéridan, sua ex-esposa, como vice e a deputada estadual Aurelina Medeiros na secretaria geral.

getuliovargasGETÚLIO VARGAS SINALIZADA | Atendendo a pedidos, a Prefeitura de Boa Vista está implantando sinalizações horizontal e vertical em toda a extensão da Avenida Getúlio Varga, no sentido norte. A previsão é que até o final desta semana os trabalhos sejam finalizados. Ano passado, a via recebeu serviços de recapeamento no trecho compreendido entre a avenida das Guianas, no bairro São Vicente, e a 25 de Agosto, no bairro Canarinho. Com o asfalto novo, foi necessária a implantação das linhas de bordo, eixos tracejados, faixas de pedestres, taxinhas refletivas, novas placas de trânsito, entre outros.

Disse a que veio 

Belezas da Gran Sabana: agora acessíveis aos roraimenses.
Belezas da Gran Sabana: agora acessíveis aos roraimenses.

Rapaz, a secretária chilena-venezuelana-brasileira, Verônica Caro, já chegou mostrando suas credenciais. Nem bem assumiu a Secretaria de Relações Internacionais e conseguiu um feito que os antecessores não alcançaram em décadas.

Anunciou ontem que quem for fazer turismo na região da Gran Sabana, na Venezuela, não precisa mais da autorização para o veículo, antes uma exigência das autoridades para circulação após Santa Elena de Uairén.

Para Verônica, a medida é importante e vai ajudar a aumentar ainda mais o Turismo na região, uma vez que o acesso dos brasileiros será facilitado.

CONTATOS: www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

 

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Related Posts