Governo Federal vai pedir apuração de restrições de Suely a venezuelanos.

A Coluna de Hoje | Publicada 00h10

O decreto de Suely que restringe a migração, está sendo ‘bmbardeado’ por todos os lados. Foto | Secom Governo

É evidente que a turma de Suely Campos tentou marcar um gol com o tal decreto que restringe a prestação de serviços públicos aos de venezuelanos, transformando a iniciativa em fato político positivo.  Mas não deu certo. O factóide não vingou por ser ato público inconstitucional. Ela tentou agradar o povo e desagradou os órgãos de controle

Além do Ministério Público Federal, da Defensoria Pública da União da Procuradoria Geral da República que já se manifestaram contrários ao decreto de Suely, o Governo Federal anunciou ontem que vai pedir apuração por parte do Ministério Público das medidas adotadas pelo governo de Roraima em relação ao fluxo de imigrantes venezuelanos na região.

O decreto de Suely foi publicado ontem no Diário Oficial do Estado, anunciando a atuação de forças de segurança e uma série de medidas de restrição de acesso a serviços públicos, como saúde, para pessoas vindas da Venezuela.

Em nota, o Ministério dos Direitos Humanos (MDH) comunicou que irá recorrer ao MP e lembrou que o país assinou uma série de tratados internacionais nos quais são estabelecidos direitos, deveres e regras a serem respeitadas pelas nações que aderiram aos acordos.

Na nota, o Ministério lembra ainda que o governo vem adotando uma série de medidas de apoio aos venezuelanos que entraram no Brasil, reunidas sobre o que foi chamado de Operação Acolhida. Entre elas estão a regularização da situação dos imigrantes, o fornecimento de abrigo e a interiorização de pessoas com transporte para outras cidades longe das regiões de fronteira. Fonte | Agência Brasil

Suely é vaiada na convenção

O Forródromo do Parque Anauá lotado na convenção de Suely. A maioria era servidores públicos convocados.

A governadora Suely Campos discursou debaixo de vaias, ontem à tarde, na convenção do Partido Progressistas e demais siglas aliadas, que homologou seu nome para disputar a reeleição.

Um vídeo postado nas redes sociais mostra a manifestação das pessoas no exato momento que Suely se dirigia ao público, onde ouve-se gritos, vaias e assobios tornando inaudível a fala de Suely.

O local escolhido para a realização da convenção, o Forródromo do Parque Anauá, estava lotado de servidores púbicos, convocados nas secretarias, e por cabos eleitorais dos políticos que se juntarão à Suely na coligação e muitas fanfarras.

O que desagradou aos presentes foi exatamente o momento em que Suely afirma que seu governo avançou na educação, na saúde púbico, na segurança… ai as pessoas não aguentaram e desabafaram com vaias.

Estava na cara que isso aconteceria. Capengando o Governo de Suely não saiu do atoleiro. E ao contrário de sua afirmação, não avançou absolutamente em nada, muito pelo contrário.

Suely Campos é candidata da coligação “Roraima mais forte para crescer”, que, além do PP, é composta pelo PC do B, PHS, PRTB, PT, PODE, PR e PDT.

Para o cargo de vice foi anunciado o defensor público e deputado estadual Oleno Matos, do PC do B.

Candidaturas definidas

Denarium, Fábio Almeida, Zé Anchieta, Telmário Mota e Suely são os candidatos que disputarão o Governo.

Definida a candidatura de Suely Campos, que disputará um segundo mandato, embora com chances remotas, fica completa a lista de nomes que vão disputar o Palácio Senador Hélio Campos.

Os demais são José Anchieta Júnior (PSDB), ex-governador, o investidor e empresário do Agronegócio, Antônio Denarium (PSL), o senador Talmário Mota (PDT) e o professor de História, Fábio Almeida (Psol).

O pastor Douglas Alves chegou a ser oficializado candidato ao governo pelo Avante, em 29 de julho, mas retirou a candidatura.

Circo e realidade

Servidores de terceirizada não recebem salários há 4 meses. Foto | Reprodução TV Roraima

Ontem no final da tarde enquanto Suely e sua turma gastavam verdadeira dinheirama em uma convenção onde foi obrigado a participação de servidores comissionados, um grupo de servidores de uma terceirizada cruzavam os braços.

São trabalhadores que prestam serviço de higiene e limpeza e serviço de lavanderia na Maternidade Nossa Senhora de Nazareth, porque não recebem salários há 4 meses. São empregados da empresa União Comércio e Serviços.

O mesmo Governo que transformou o Forródromo do Parque Anauá um picadeiro, é o mesmo que não paga à empresa terceirizada. É no mínimo desumano o Governo fazer isso com essas pessoas que levam meses para receber um salário mínimo.

MP cobra transporte escolar

O MP exige que seja restabelecido o transporte escolar no interior do Estado.

A falta de transporte escolar para atender os alunos da escola estadual Albino Tavares, localizada na zona rural do município de Boa Vista, motivou o Ministério Público do Estado a ajuizar ação civil pública com pedido de liminar contra o Governo do Estado.

A Promotoria de Justiça de Defesa da Educação requer que a Justiça determine ao Estado a oferta de transporte escolar diária aos estudantes da escola, sob pena de multa.

De acordo com as investigações, os estudantes que residem no Projeto de Assentamento Nova Amazônia, na região do Truarú, estão há cerca de três meses sem transporte escolar regular e correm risco de perder o ano letivo por falta de assiduidade.

A ação civil pública com pedido liminar foi protocolada na Vara de Infância e Juventude sob o número 0820260-92.2018.8.23.0010 e aguarda manifestação da Justiça.

O quociente eleitoral para 2018

O quociente eleitoral aumentou muito o que torna mais difícil eleger-se sem legendas.

Não será fácil a conquista por uma das 8 vagas para a Câmara dos Deputados e para a Assembleia Legislativa de Roraima, que terá 24 deputados.

Por conta do quociente eleitoral, o método pelo qual se distribuem as cadeiras nas eleições pelo sistema proporcional de votos em conjunto com o quociente partidário e a distribuição das sobras, para a Câmara Federal serão necessários 41 mil votos e para a Assembleia, 13 mil.

É que pela distribuição dos colégios eleitorais de todo o país, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Roraima alcançou a marca incrível de 331.489 eleitores, o que torna a eleição mais difícil pela quantidade e votos necessários.

O número representa um aumento de 10,66% em relação às eleições de 2014, quando 299.558 eleitores estavam registrados junto a Justiça Eleitoral.

O município com o maior número de eleitores é Boa Vista, que concentra 65,85% do eleitorado.

O segundo maior colégio fica em Rorainópolis com 5,22%. A menor quantidade de eleitores está em São João da Baliza, onde 4.328 estão registrados.

Jucá anuncia saída de Marta

Marta Suplicy e Romero Juca acertaram onde a saída da senadora paulista do MDB.

O presidente do MDB, senador Romero Jucá, confirmou ontem o pedido de desfiliação da senadora Marta Suplicy (SP), que sai do Partido por motivos pessoais.

Os dois se falaram pelo telefone. O partido lamenta mas respeita a decisão da senadora. Pessoalmente, o senador afirma “ter carinho e respeito por toda sua trajetória ao longo dos anos na vida pública e política do País”. A senadora estava filiada ao MDB desde setembro de 2015.

“Estou deixando a vida parlamentar e partidária, mas tenho muitos planos e estudo novas trincheiras de participação política na sociedade. Vou continuar sempre participando ativamente da política brasileira”, disse Marta.

Sarampo e Pólio: vem ai a vacina | A campanha nacional de imunização contra o sarampo e poliomielite começa nesta segunda-feira (6) em todo o Brasil. Em Boa Vista, as doses das vacinas já estão disponíveis nas unidades básicas de saúde que possuem sala de vacina, no programa Família que Acolhe e no Cernutri. O município recebeu 30 mil doses da vacina contra a poliomielite e 15 mil doses de tríplice viral, contra o sarampo. De acordo com o secretário municipal de saúde, Claudio Galvão, esse é um momento em que as famílias precisam se envolver. “Temos um mês de campanha e contamos com a parceria de todos os pais e responsáveis para levar seus filhos para se imunizarem”. A vacina contra pólio é destinada a crianças de 01 ano a menores de 05 anos. Mais de 29 mil crianças devem ser vacinadas nessa faixa etária. Já o público alvo da vacinação contra o sarampo são crianças de 06 meses a 14 anos, a população alvo estimada em Boa Vista para vacinar contra o sarampo nessa faixa etária é de mais de 60 mil.

DIA D – Será realizado no dia 18 de agosto, com a abertura das 34 unidades básicas de saúde e sala do FQA, no horário das 8h às 12h e das 14h às 17h. Nos pontos de vacinação nos dois shoppings, das 16h às 20h e ainda em cinco escolas municipais: Laucides Oliveira (Dr. Airton Rocha), Ioládio Batista (São Bento), Palmira de Castro (Araceli), Jardim das Copaíbas (Distrito Industrial) e Hilda Franco (Cruviana), das 13h às 17h.

A prefeitura recomenda que ao levar a criança para tomar as vacinas, os pais e responsáveis levem junto a caderneta de vacinação. O cartão é um documento de saúde que deve ser guardado e levado para as unidades para que seja conferido a necessidade de vacinação. Caso não tenha, será feito uma nova carteira e será inserida as doses das vacinas que serão tomadas.


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Mais Noticias

Deixe uma resposta