Governo vai anunciar receita definitiva da interligação de Roraima com energia de Tucuruí.

A Coluna de Hoje | Publicada 00h09

O Governo core contra o tempo para iniciar o linhão de tucuruí.

A secretária executiva do Ministério de Minas e Energia, Marisete Dadald Pereira, informou que o MME tem trabalhado com a Agência Nacional de Energia Elétrica para que até o fim deste mês haja “um encaminhamento mais sólido” em relação à alteração no contrato de concessão da linha de transmissão que vai interligar Roraima ao sistema elétrico nacional.

A revisão da receita do empreendimento para garantir o reequilíbrio econômico financeiro do contrato é uma das condições apontadas pela Trasnorte Energia para a viabilidade da instalação do empreendimento a partir do segundo semestre desse ano.

Marisete explicou que a Aneel tem competência para promover o reequilíbrio do contrato, mas o ministério e o governo como um todo devem avaliar a importância estratégica do empreendimento para segurança energética.

O governo enquadrou a obra como de interesse estratégico nacional para facilitar o licenciamento ambiental, que, segundo o MME, tem avançado dentro do esperado, assim como as tratativas para a assinatura do termo aditivo para o reequilíbrio do contrato.

O projeto da LT Manaus-Boa Vista tem 715 km de extensão, dos quais mais de 120 km passarão pela terra indígena Wamiri-Atroari. Ele foi leiloado em 2011, mas não andou por dificuldades de licenciamento. O projeto tem como sócios Eletronorte (49%) e Alupar (51%).

R$ 1,8 bilhão em investimentos

A usina a gás vai gerar 132,3 MW de energia em Boa Vista.

Eneva – a empresa que vai gerar energia em Roraima a partir do gás natural – anunciou que o investimento na construção da usina e nas linhas de transmissão, vão importar em investimentos de R$ 1,8 bilhão.

A empresa já entregou à Technit – a construtora contratada para realizar a obra – a notificação para início de implantação da UTE Jaguatirica II, com capacidade instalada de 132,3 MW, a ser instalada em Boa Vista.

A Eneva terá um contrato de comercialização de energia elétrica e potência nos sistemas isolados, pelo prazo de 15 anos, a partir de 28 de junho de 2021.

O contrato de empreitada global (EPC) prevê o início de operação comercial em até 24 meses.

A fixação de Telmário Mota

Jucá veio a Boa Vista de carona, a convite de Osmar Terra.

Esse Telmário Mota pilhérico: na falta do que fazer ele foi apresentar uma queixa no MPF contra Romero Jucá, presidente nacional do MDB e o ministro da Cidadania, Osmar Terra. O senador alega “uso indevido” de avião da Força Aérea Brasileira.

Na semana passada, Jucá e Terra, ambos do MDB, desembarcaram em um avião da FAB em Boa Vista para participação em um fórum sobre primeira infância.

A assessoria de Jucá divulgou a seguinte nota: “O presidente do MDB, Romero Jucá, foi a Boa Vista a convite do ministro Osmar Terra, um dos melhores quadros do partido. Foi uma honra para o presidente do MDB acompanhar junto com o ministro o trabalho da prefeita Teresa Surita, também do MDB, voltado à primeira infância, trabalho este que é reconhecimento internacionalmente”.

A assessoria de Osmar Terra informou que Jucá era convidado do evento em Roraima e, lembrando que o ex-senador é presidente do MDB, acrescentou que o ministro “pode dar carona para quem quiser”.

‘Segurando a onda’, diz Teresa

Os venezuelanos continua chegando e se instalando na capital.

A prefeita Teresa Surita continua preocupada com a migração venezuelana, que não tem demonstrado nenhum sinal de recuo.

Ela escreveu em suas redes sociais que Boa Vista vive uma crise sem precedentes. “Todo dia, a toda hora, chegam pessoas aqui, sem rumo, sem perspectiva de vida, sem planos, um verdadeiro drama humanitário, tanto para eles como para a cidade”.

Teresa diz que a Prefeitura e sua equipe estão se dobrando para atentar a demanda absurda que subiu em todas as áreas. “É lotação no hospital, nos postos, nas escolas, nos programas sociais, nas ruas”.

Segundo a prefeita a situação saiu do caos total por causa da Operação Acolhida e porque o “município segurou a onda todos os dias, mesmo sem ter recursos específicos pra isso”.

Mas a verdade é que a maior parte da demanda recorrente da imigração cai nas costas de Boa Vista. Pois, 168 mil venezuelanos entraram no Brasil, mas a maior parte fica aqui em Roraima, na capital. Eu fico muito preocupada com toda esta situação e divido com vocês esse meu sentimento. Nunca imaginei que iria viver algo assim, o desafio de gerir Boa Vista nesta crise imigratória é imenso e tenham a certeza que fazemos o possível para ter uma conduta sensata, humana e para não deixar Boa Vista perder sua qualidade de vida. Mas é muito difícil tudo isso”, prefeita Teresa Surita.

Sanções à ditadura de maduro

Maduro terá problemas com mais sanções de países europeus.

Vários países importantes da Europa avaliam a imposição de sanções contra o ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e outros funcionários do alto escalão do regime chavista.

Diplomatas e membros da oposição venezuelana com conhecimento dos planos disseram que as sanções analisadas também poderiam ser aplicadas contra importantes membros das Forças Armadas e do Judiciário.

As sanções seriam respostas às recentes medidas adotadas por Maduro contra opositores políticos. Militares e magistrados também têm sido fundamentais na detenção dos aliados do presidente interino venezuelano, Juan Guaidó.

Apesar disso, o principal obstáculo para o plano é o temor de que isso possa ser um obstáculo aos atuais esforços internacionais para encontrar uma saída negociada para a crise do país.

Censo previdenciário: ainda dá tempo

A Prefeitura continua realizando o censo previdenciário dos servidores.

Servidores da Prefeitura de Boa Vista que ainda não fizeram o Censo Previdenciário têm mais uma oportunidade, pois a partir  desta segunda-feira, 17, o recadastramento será reaberto. Os interessados serão atendidos no período das 08h às 14h, ente hoje e 28 deste mês.

Depois de fazer o agendamento, no https://www.boavista.rr.gov.br/, os servidores deverão ir até a sede do Regime Previdência Social dos Servidores Públicos do Município de Boa Vista (Pressem) na fica na rua Professor Agnelo Bitencourt, número 361 no bairro São Francisco.

Para o recadastramento, o interessado deverá levar a documentação relacionada na Instrução Normativa 001/19 do Diário Oficial do Município 4829 publicada no dia 22/02/19Assim que o servidor fizer o recadastramento, o Pressem vai comunicar a Secretaria Municipal de Administração e Gestão de Pessoas (Smag) para o desbloqueio do salário. O desbloqueio ocorrerá em até 72h.

CONTATOS DO AUTOR

www.peronico.com.br – emails: peronico.27@gmail.com / blogdoperonico@gmail.com / expeditoperonico@gmail.com Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Mais Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: