Governo vs. Professores: cabo de guerra que deixa sequelas e prejuízos.

Compartilhe nosso conteúdo!

A Coluna de Hoje | Boa Vista, RR | Publicada 00h23

legen
A GREVE CONTINUA | Professores não confiam nas promessas do Governo e prometem manter a greve por tempo indeterminado.

Como não consegue resolver a peleja na base do diálogo, porque todas as formas de conversações parecem esgotadas por sua intransigência e ranço, o Governo do Povo apela para a manipulação da informação para colocar a população de Roraima contra os grevistas da educação e tentando ridicularizar o adversário, uma arma política bem sórdida. Ai sapeca notas para tudo que é lado dizendo que é um Governo alinhado, virtuoso e bonzinho, e que já tentou fazer de tudo, atendeu a todas as demandas e que os grevistas é que são opiniáticos em não aceitar as ofertas.

Por outro lado os professores agem com a mais pura racionalidade porque não acreditam mais na ladainha oficial porque já foram enganados no episódio da greve anterior, em março, onde tudo foi apalavrado e nada cumprido. Nessa emulação de titãs, os estudantes e suas famílias saem afetadas, uma sequela social profunda porque se a paralisação demorar mais que um mês – e já caminhamos para a quarta semana – o semestre estará praticamente perdido.

Ontem o Governo encaminhou nota à imprensa para jurar que procurou atender a pauta de reivindicações dos professores mas foi ‘ignorado’ pela categoria. “Houve diálogo aberto e transparente, mas o Sinter não respondeu sobre as propostas apresentadas pelo Governo”, diz a nota. O presidente do Sinter, Ornildo Roberto, por sua vez, negou as afirmações do Governo do Estado. “O que eu posso falar a respeito é que isso não é verdade. Nós mais do que ninguém queremos sim abrir o diálogo, queremos negociar com o Governo. Mas a resistência que vem do Palácio impede qualquer acordo”.

Na mira do STF

llele
SHERIDAN | Investigada pelo Supremo por suposto crime eleitoral em 2014.

A deputada federal Shéridan – a musa que habita o ninho tucano – está sendo investigada no Supremo Tribunal Federal por crime eleitoral, cometido supostamente na eleição passada, onde foi a mais votada entre os deputados eleitos. É averiguada no Inquérito 3975 por crimes eleitorais. Ela ainda não foi chamada para depor. O deputado Édio também é réu no STF na Ação Penal 940 por crimes eleitorais.

grevistahoje1
BATALHA | A Praça é o palco das disputas de professores com o Governo.

Primavera macuxi

Na primavera árabe, os cidadãos foram às ruas e praças das grandes cidades do mundo árabe e do oriente médio e varreram seus governantes corruptos, perdulários e ditadores.

Aproxima-se a primavera no hemisfério norte e o centro das atenções aqui está em nossa Praça do Centro Cívico. Aqui os resistentes são professores índios e não índios que lutam por melhorias na educação – sucateada – e por direitos que lhes são negados.

O movimento grevista toma corpo e os indígenas estão ganhando mais reforços. A onda tende se espalhar. Ai fica a observação: ou o governo acaba logo com a pugna, demitindo a secretária Selma Mulinari, ou vai sofrer reveses traumáticos.

legen
BOA VISTA MODERNA | A Prefeita Teresa fez o lançamento oficial do Plano de Mobilidade que contemplará todos os bairros da Capital.

A mobilidade avança | O primeiro Projeto de Mobilidade Urbana de Boa Vista está em execução. O pontapé inicial foi dado ontem pela prefeita Teresa Surita, na avenida dos Trabalhadores, na divisa dos bairros Nova Cidade e Airton Rocha. O local recebe os serviços de drenagem, meio fio, calçada e em seguida será asfaltado. Uma ponte de concreto também será construída para interligar os dois bairros em substituição da ponte de madeira O projeto de Mobilidade Urbana é realidade em Boa Vista. São obras que vão dar uma cara nova e moderna à cidade. Esses serviços vão valorizar os imóveis, deixar a cidade mais bonita, organizada, além de garantir mais qualidade de vida à população.

Fiscalizar o andamento das obras e saber se tudo está acontecendo conforme o planejado é um trabalho que faço constantemente, para garantir um serviço de qualidade à população. Não temos medido esforços para transformar Boa Vista em uma capital modelo para o resto do país e a primeira em qualidade de vida”, disse a prefeita de Boa Vista. Teresa Surita.

Pontes, ciclovias, abrigos…

legenda
CICLOVIAS | Boa Vista terá 50 quilômetros de vias disponíveis para ciclistas.

No total, o projeto prevê a construção de ciclovias, calçadas, pontes, abrigos de ônibus, um pacote de obras que vai passar por todos os bairros.
Ao todo, 32 vias receberão intervenções com diversos serviços, tais como drenagem, terraplanagem, pavimentação, implantação de 50 quilômetros de ciclovias e ciclofaixas, interligando a zona oeste ao Centro, e ainda 30 quilômetros de calçadas, adaptadas aos padrões de acessibilidade.
O projeto também prevê a revitalização e construção de 825 pontos de ônibus, a construção de uma ponte que interligará o bairro Jardim Caranã ao  Cidade Satélite e, outra ligando o bairro Cidade Satélite ao Sílvio Leite.

Falta só um tiquinho 

O IBGE anunciou que a nossa capital já contabiliza mais de 320 mil habitantes. Óbvio que há bem mais gente aqui, pois o Censo não atinge todos os lares da cidade.

Mas nos dois cartórios eleitorais – das zonas 1ª e 5ª – faltam só um tiquinho de leitores para atingirmos o número necessário para que Boa Vista tenha segundo turno nas eleições de 2016, pela primeira vez na história.

Já existem cadastrados no Tribunal Regional Eleitoral 196 mil eleitores aptos. O prazo para novos cadastramentos acaba só no dia 5 de maio do ano que vem.

Holofotes para Lewandowisk

FESTA | Indígenas do Maturuca preparam recepção para Lewandowisk.
FESTA | Indígenas do Maturuca preparam recepção para Lewandowisk.

O presidente do Supremo Tribunal Federal – STF – será recebido em Roraima com todas as honras a que tem direito a mais alta autoridade do Judiciário brasileiro. Haverá pompas e circunstâncias para a visita do ministro Ricardo Lewandowisk, na próxima sexta-feira, dia 4.

O primeiro compromisso é de trabalho com o lançamento no Fórum Advogado Sobral Pinto do projeto “Audiência de Custódia”, um marco na relação da justiça com o indivíduo acusado. Depois será agraciado com a Comenda Forte São Joaquim” e assina Termo de Cooperação Técnica no Palácio do Governo.

Depois vai à Aldeia Maturuca, na Região de Raposa Serra do Sol, onde terá uma prosa com as lideranças indígenas da região e inaugura o 1° Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania Indígena do Brasil. Em seguida recebe a Comenda Ordem do Mérito Legislativo, em solenidade suntuosa na Assembleia Legislativa. E segue para uma reunião com Defensores Públicos do Estado. Na continuação o ministro estará presente na inauguração de uma sala de aula na Faculdade Cathedral e fará a aula magna. E encerra o périplo por terras macuxi na Universidade Estadual onde receberá o Título “Professor Honoris Causa”.

Telmário no banco dos réus

O senador Telmário já teve seu julgamento nas redes sociais. E foi declarado culpado.

Deu as costas para os indígenas – seus parentes – durante todo o período de greve e agora aparece sugerindo que todos voltem de mãos abanando para as malocas.

Deixou os caciques furibundos. Ou seja, Telmário foi à praça, comeu damurida, tomou caxiri e depois deitou falação contra os parentes, acusando-os de teimosia por sustentarem o movimento grevista.

E ao aparecer vestido com a camisa do movimento “Fora Selma”, deixou encafifada a governadora Suely. Que azar, hein Telmário!

Mandou bem

lrgenen
TELMÁRIO | A educação indígena no Brasil tem que ser federalizada.

Por outro lado Telmário teve um instante de lucidez ao discursar ontem à tarde na Tribuna do Senado. Defendeu que a educação dos povos indígenas passe para a responsabilidade do governo federal. Ele contou que seu estado enfrenta hoje uma greve de professores indígenas que poderia até não existir se essa atividade já estivesse federalizada, a exemplo da saúde dos povos indígenas.

Segundo Telmário Mota, em Roraima, por exemplo, existem mais de 300 escolas, sendo mais de 200 delas destinadas à educação indígena, atendendo entre 10 e 15 mil alunos. Já as pouco mais de 100 restantes atendem cerca de 60 mil alunos não indígenas.

É preciso federalizar. Agora, federalizar, com responsabilidade. Não se pode fazer como fizeram com a federalização da saúde indígena, que hoje virou um antro de corrupção, de roubalheira”, disse o senador

Circunspectos das redes

Ontem os comentários no Facebook, Whatsapp e Instagram versavam sobre uma possível candidatura de Zé Anchieta à Prefeitura de Boa Vista na eleição do ano que vem.

Ai um argucioso internauta cunhou a seguinte elocução: “O Anchieta acabou com tudo em Roraima, afundou Estado em dívidas, sucateou a educação, faliu a saúde, e agora quer ser prefeito. Só se for para destruir Boa Vista”.

É, faz sentido. Parece que Zé Anchieta incorporou o espírito do doidão Nero, o homem que tocou fogo em Roma.

Roraima é ‘sui géneris’

legend
SALÁRIOS | Suely no programa de rádio anuncia o pagamento para hoje.

Roraima é sem dúvida o único Estado administrativo do mundo onde pagamento de salários de servidores públicos vira notícia.

Mais extraordinário é quando a governadora vai a um programa de rádio anunciar a ‘boa nova’. Mas hoje o pagamento cai somente na conta da turma da Administração Direta.

Um apelo pela vida

legenda
VIDAS EM RISCO | Mais uma acidente grave ocorrido na Ville Roy.

Volto a clamar por uma atitude da prefeita Teresa Surita para que procure com urgência uma forma que contenha a violência do trânsito na Ville Roy.

Nesse fim de semana vários acidentes foram verificados no pedaço da avenida que se situa entre o Gardem Shopping e o cruzamento com a Santos Dumont.

Mas onde a situação é mais crítica é ali em frente ao prédio sede da Ordem dos Advogados do Brasil. Ontem mais uma batida grave deixou uma jovem quase morta. Por favor, prefeita, faça alguma coisa.

Que maldade

Uma perversidade isso que o Governo do Povo faz com os mais necessitados. Ontem presenciei cenas chocantes nas filas dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil.

Várias famílias indignadas porque não encontraram em suas contas o pagamento do Crédito Social. O cartão entra mas a maquina informa que o pagamento já foi liquidado. E todos ficam fazendo a mesma pergunta: nosso dinheirinho não caiu ainda?

E logo vem a resposta de quem testemunha a cena: e quem mandou vocês votarem nela!.

 Voo solo e alto 

legen
ARTICULAÇÃO | Édio com deputados reforça alianças para próximas campanhas.

Corre a boca pequena que o deputado federal Édio Lopes estaria articulando o pulo do gato: assumir a direção regional do Partido da República – PR – hoje presidido pelo ex-deputado Luciano Castro.

Ligado ao senador Romero Jucá, Édio é cria do PMDB há muitos anos, mas tem sido visto em caminhadas pelos municípios roraimenses agregando mais valores para sua cumbuca política e já quer testar sua influência na carreira solo a partir do ano que vem nas eleições municipais, principalmente nos municípios do Sul do Estado.

A reforma política avança

llll
REFORMA | Para Jucá, texto é moderno e foi amplamente debatido.

O projeto da reforma política que saiu modificada da Câmara dos Deputados será votado a partir de hoje (1º) pelo Plenário do Senado.

O PLC altera três leis, entre elas o Código Eleitoral, e tem o objetivo de reduzir os custos das campanhas, simplificar o funcionamento dos partidos, incentivar a participação das mulheres na política.

As campanhas, por sua vez, deverão ficar mais silenciosas. O PLC 75/2015 veda o uso de altofalantes, amplificadores de som ou qualquer outra aparelhagem de sonorização fixa, bem como de carros de som, ministros ou trios elétricos.  A exceção é durante os comícios.

O relator da Comissão da Reforma Política, Romero Jucá, explicou que o texto que vai a exame hoje é fruto de ampla discussão com os demais senadores da comissão, assim como de colaborações do Tribunal Superior Eleitoral e de negociação com os deputados.


CONTATOS: www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts