Guaidó: ‘Protestos só acabam quando derrubarmos Maduro’.

A Coluna de Hoje | Publicada 00h10

Guiadó fala para venezuelanos: “só vamos parar quando Maduro cair”. Foto | Reuters

O autoproclamado presidente da Venezuela, Juan Guaidó, usou o Twitter no fim da tarde de ontem para fazer um balanço da Operação Liberdade, como denominou as manifestações contra o governo de Nicolás Maduro, e dizer como se dará “fase final” dela. Segundo Guaidó, “nessa fase da luta, a mobilização e os protestos não têm volta porque estamos perto de atingir o nosso objetivo, que é derrubar Maduro”.

“Esta fase final da Operação Liberdade começa com milhões de venezuelanos nas ruas, com um regime enfraquecido, forte apoio internacional à nossa luta e comunicação com as Forças Armadas. Nós somos um movimento pacífico e agora é que vamos com tudo”, escreveu Guaidó.

Ele também aproveitou para alfinetar Maduro depois de um grupo de soldados venezuelanos se unir contra o ditador. “Nós demonstramos que o usurpador não controla as Forças Armadas”, disse. “Sem o povo, sem as Forças Armadas e sem poder confiar na própria sombra, quem usurpa funções está cada vez mais encurralado e sozinho.”

Guiadó também convocou todos os funcionários públicos e de serviços estratégicos a “ocupar seus espaços de trabalho pedindo o fim da usurpação”. “Esta operação é mobilizada porque deve haver protesto permanente em todos os espaços de trabalho. Onde a bandeira estiver hasteada, onde houver uma fita azul ou ações

Ele também convocou a população e pediu a participação de todos para, a partir de amanhã, iniciar uma greve escalonada que culmine em uma greve geral. Com Agências Internacionais

Entrada de venezuelanos triplica 

Delegacia da Polícia Federal entupida de venezuelanos em Pacaraima.

O Posto de Recepção e Identificação montado pela Força-Tarefa Logística Humanitária para o Estado de Roraima – Operação Acolhida, em Pacaraima, recebeu ontem 848 venezuelanos. Além dos 848 venezuelanos que ingressaram no Brasil, outros 88 deixaram o país, totalizando 936 atendimentos no posto de recepção da Operação Acolhida.

Dos venezuelanos que chegaram ao Brasil, 129 pediram refúgio, 175 visto para residência temporária e 508 tiveram que ser vacinados antes de serem autorizadas a ingressar em território brasileiro.

Segundo as Forças Armadas, houve um aumento expressivo no número de atendimentos diários, já que, desde que o governo venezuelano determinou o fechamento da fronteira, bloqueando o tráfego de veículos e obrigando as pessoas que precisam atravessar de um país ao outro a percorrer, a pé, as trilhas próximas à rodovia, o número de atendimentos não chegava a 600 pessoas por dia.

A força-tarefa responsável pela Operação Acolhida não informou se o maior número de atendimentos registrado ontem tem relação com os confrontos entre manifestantes que pedem a saída do presidente Nicolás Maduro do poder e forças leais ao governo. Já a Casa Civil informou que, de acordo com dados da Polícia Federal, o número de atendimentos vinha variando entre entre 250 e 300 pessoas nos últimos dois meses.

PM reforça policiamento

Venezuelanos fugindo da crise em direção a Pacaraima (Roraima).

Por conta das manifestações que ocorrem na Venezuela, a Polícia Militar de Roraima está com duas equipes na fronteira, fazendo patrulhando no entorno do município de Pacaraima.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Elias Santana, ressaltou a intensificação do êxodo, difícil de ser contido.  Na tarde de ontem, houve um fluxo incomum em Pacaraima. Aproximadamente, 850 venezuelanos ingressaram no Brasil e passaram por triagem pela Polícia Federal.

“Estávamos apreensivos. Então, reforçamos o policiamento no perímetro urbano de Pacaraima, já que a questão fronteiriça não afeta a PM, mas nos precavemos para manter as pessoas informadas”.

Santana ressaltou que havia expectativa de que o movimento pudesse surgir com mais intensidade, nesta quarta, 1º de maio, historicamente, um dia de manifestações na Venezuela.

O comandante destacou ainda que, mesmo com o feriado do Dia do Trabalho, a PM mantém reforço em Pacaraima, a fim de cumprir a contento o policiamento ostensivo, monitorando também a situação da entrada de pessoas no Brasil por rotas alternativas.

Denarium quer mais dinheiro

Denarium pediu apoio para aumentar repasses do FPE. Foto | Secom/RR

Aproveitando o clima de tensão na Venezuela e a presença em Roraima de deputados federais de uma comissão externa da Câmara, o governador Antônio Denarium (PSL) solicitou apoio para aumentar os valores do repasse do Fundo de Participação dos Estados – o FPE.

“Espero que essa Comissão Externa da Câmara dos Deputados aponte para o governo federal – Ministério da Economia – que é preciso aumentar o repasse do FPE para o Estado. Nossa população cresceu em aproximadamente 20% e não houve nenhum incremento no Fundo de Participação dos Estados”, disse.

Denarium explicou ainda que, hoje, 25% dos recursos do FPE são aplicados na saúde e 18% na educação. De acordo com ele, o Estado precisa de mais investimentos diretos para custeio nessas duas áreas.

“Precisamos de mais investimentos por meio de custeios na saúde e na educação. Pegamos um governo sem gestão e com indícios de corrupção. Então, com a ajuda do governo federal e dos deputados federais nas ações do governo, tenho certeza de que vamos sair dessa situação deficitária”, apelou Denarium.

O ‘trem da alegria’ vai a Maringá 

Complexo da Cocamar, que está sendo visitado por Denarium e comitiva.

Pelo tamanho da comitiva que está visitando a cidade de Maringá, no Paraná, fica claro que o governador Antônio Denarium (PSL) não está cumprindo a proposta do início da gestão, de economizar no pagamento de diárias.

Junto com Denarium estarão no mesmo ‘vagão’ Ionilson Sampaio de Souza (Femarh), Emerson Carlos Baú (Agricultura), Marcos Eraldo Arnoud Marques (Comunicação), Aluísio Nascimento da Silva (Iacti), Disney Barreto Mesquita (Casa Civil) e Márcio Glayton Araújo Granjeiro (Iteraima).

O ‘passeio’ começou ontem e vai até 5 com visitações as instalações da sede da Cocamar – Cooperativa Agroindustrial de Maringá e as instalações da Coamo Agroindustrial Cooperativa.

Denarium disse, no início da gestão, que pela escassez de dinheiro e pelo volume da dívida estadual, o pagamento de diárias estava suspenso. Não parece.

Entre o inferno e o paraíso

A prefeita Teresa recebeu a comissão no Hospital da Criança. Foto | Divulgação

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, fez uma constatação interessante ao visitar às unidades de saúde no Estado.

Depois que testemunhou o caos nos hospitais Geral de Roraima, Maternidade Estadual, Hospital das Clínicas, Policlínica Cosme e Silva e o Hospital Délio de Oliveira Tupinambá, Eduardo Bolsonaro se surpreendeu ao pisar nas instalações do Hospital da Criança Santo Antônio.

“Mas isso aqui é um paraíso. Acabamos de verificar o caos nas unidades do Estado e isso aqui parece um oásis. Essa saúde que estou vendo aqui, sim, é de um Brasil que dá certo”, disse enquanto inspecionava o Hospital da Criança, que é administrado pela Prefeitura.

A declaração foi feita à prefeita Teresa Surita (MDB) que na ocasião recepcionava a comissão externa da Câmara dos Deputados que veio a Roraima verificar os impactos da migração venezuelana na saúde pública estadual.

Só para situar o leitor da diferença entre Governo e Prefeitura, enquanto Teresa tem apenas R$ 160 milhões para investir em saúde por onde, Denarium vai administrar este ano quase R$ 1 bilhão.

Mais rigor na frequência

Plenário vazio enquanto o painel aponta a presença de deputados na Casa.

O deputado Jalser Renier (Solidariedade), presidente da Assembleia Legislativa, tem que ser mais austero com a frequência dos deputados nas sessões ordinárias.

Há um costume nocivo que interfere diretamente na produtividade dos parlamentares, principalmente quando as sessões antecedem algum feriado. Eles marcam presença no painel eletrônico, mas fogem em seguida do Plenário.

Na última sessão, de terça-feira (30), por exemplo, não houve continuidade dos trabalhos por falta de quórum qualificado.

O painel aparecia verde com 18 presenças. Mas faltava deputado para deliberar qualquer matéria.

Recursos para a saúde

Nicoletti e Bolsonaro: promessa de mais dinheiro para saúde. Foto | Divulgação

Após uma série de visitas técnicas em pontos críticos de Roraima, os deputados da Comissão Externa coordenada pelo deputado federal Antônio Nicoletti (PSL/RR) prometeram viabilizar recursos para a Saúde do Estado será uma das grandes prioridades do colegiado.

Os deputados federais devem destinar cerca de R$ 1 milhão em emendas para serem investidos na Saúde de Roraima.

Nicoletti afirmou que os parlamentares que estiveram em Roraima entraram em um acordo onde cada destinará parte de suas emendas para destinar à Saúde estadual e municipal.

Um dos membros da comissão, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, disse que pretende articular verbas junto ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, para hospitais do Estado.

Remídio na Câmara Brasil-Guiana

Remídio com a nova diretoria da Câmara de Comércio. Foto | Divulgação

Ex-deputado federal e empresário do setor de transporte de passageiros, Remídio Monai assumiu ontem a presidência da reinstalada Câmara de Comércio Brasil/Guiana. A instituição foi criada em 2.000. Foram eleitos também para compor a diretoria, Eduardo Oestreicher, como 1° vice-presidente e João Batista Mendonça de Oliveira para o cargo de 2º vice-presidente.

Durante a reunião de instalação, o novo presidente ressaltou a necessidade da retomada das atividades para intensificar as relações entre os dois países. “Neste ano, a relação de amizade entre Brasil e Guiana completará 51 anos, com excelentes projeções de integração econômica e comercial entre os países. Agora em 2019, com os acordos de investimentos em negociação e as projeções de exploração de petróleo na Guiana, só reforça a nossa expectativa de crescimento na economia da Guiana a e do Brasil. Portanto, precisamos retomar as ações para avançar no âmbito comercial, turismo e negócios”, disse Remídio.

Monai tem larga experiência em assuntos de relações fronteiriças e terá pela frente grandes desafios de atuar como interlocutor junto ao governo brasileiro, a fim de buscar soluções para questões cruciais ao desenvolvimento dos comércios entre os dois países.

“Vamos realizar caravanas empresariais para Georgetown. Pretendemos também trazer empresários da Guiana para reuniões e audiência em Roraima. Tudo isso em parceria com as entidades ligadas ao setor, Associações Comerciais, Federações e Consulado para fazer um trabalho integrado, que realmente aproxime esta relação e estenda também para outras áreas como no turismo, no esporte e na cultura”, salientou.

Durante a cerimônia, o novo presidente ressaltou os atrativos da região Norte do Brasil, que possui atualmente uma população estimada em mais de 15 milhões de habitantes, e as oportunidades de negócios.

Pedra Pintada: 00% led | Os moradores da Área de Interesse Social Pedra Pintada agora podem contar com mais segurança. É que a Prefeitura de Boa Vista inaugurou a iluminação 100% LED na localidade. No total, foram implantadas 456 luminárias de LED, sendo 318 de 60 watts e 138 luminárias de 80 watts. A nova iluminação beneficia cerca de mil famílias que moram na região. A prefeita Teresa Surita destacou que o Pedra Pintada já recebe serviços da prefeitura, como a coleta de lixo, limpeza, rotas de ônibus e agora uma iluminação moderna. Outros serviços de infraestrutura serão executados no local. “Agora nós estamos inaugurando a iluminação de LED e já estamos licitando asfalto e drenagem para a avenida principal e três pontos críticos. A gente está estruturando essa área, avançando e dando uma qualidade de vida melhor para as pessoas que vivem aqui”, disse.  A ação no Pedra Pintada é a continuidade dos investimentos aplicados no projeto de modernização do sistema de iluminação pública em Boa Vista. Entre 2018 e 2019 outros bairros e localidade receberam nova iluminação de LED: Said Salomão, Pintolândia, Cidade Satélite, Bela Vista, Aeroporto, Monte das Oliveiras e Nova Esperança.


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – emails: peronico.27@gmail.com / blogdoperonico@gmail.com / expeditoperonico@gmail.com Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Mais Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: