Juiz federal obriga Yonny Pedroso recolocar tornozeleira eletrônica, retirada sem autorização.

A Coluna de Hoje | Publicada 00h05

Yonny pode ser penalizada por descumprir a ordem judicial.

E a deputada Yonny Pedroso, hein! Presa sob acusação de gatunar o dinheiro do transporte escolar junto com marido Wallace Barbosa, ela agora está sendo investigada por algo bem inusitado: o juiz federal Helder Girão Barreto, o mesmo que a livrou da Cadeia Feminina aprisionando-a em casa sob monitoramento, quer explicações da parlamentar sobre a razão que a levou a arrancar a tornozeleira eletrônica, condição para mantê-la em prisão domiciliar.

Girão quer um relatório completo do monitoramento eletrônico da deputada. Ele enviou ofício a autoridade judiciária que está responsável pela manutenção em regime especial de Yonny e de todos os que estão sob a cautelar.

Girão exige uma resposta em 48 horas, a partir da data expedição da ordem (emitida na segunda-feira 4, sob pena de responsabilidade) e ordenou que a deputada fosse escoltada por policiais federais até a Secretaria de Justiça e Cidadania para que o equipamento fosse recolocado, fato ocorrido ontem.

O juiz deixa bem claro que não sabe [por ordem de quem] Yonny tenha se livrado do instrumento de monitoramento. “[…] e mesmo sabedora do indeferimento de pedido de retirada, permaneceu em silêncio quanto à irregularidade”, diz Girão no despacho.

Uma outra providência em relação a Yonny faz parte de outra decisão recente do juiz Helder Girão: ele negou um pedido da deputada para uma viagem a Manaus, onde acompanharia a filha em consulta oftalmológica.

“[…] não há comprovação da imprescindibilidade do acompanhamento da requerente a consulta oftalmológica de sua filha em Manaus, nem mesmo da consulta marcada para o período declinado e muito menos da viagem de ônibus sobretudo no caso de Deputada Estadual que até recentemente ostentava riqueza”, escreveu o juiz.

Que falta faz o Jucá

Articulações de Jucá fazem falta no Senado.

A confusa eleição no Senado gerou sentimentos diversos no MDB. “Que falta faz Romero Jucá”, disseram emedebistas em grupos do partido.

Jucá deixou o Senado após não se reeleger, mas segue na presidência nacional do partido até setembro.

A propósito de Jucá, há em Roraima figuras que têm verdadeira fixação pelo ex-senador.

Constitui algo absolutamente natural que depois de terminados 3 mandatos seguidos no parlamento (24 anos), sua aposentadoria seja admitida e publicada.

Mas esse fato simples e corriqueiro causou alvoroço entre seus antagonistas aqui em Roraima. Brincadeira, né não!

Bancada: Hiran é o coordenador

Reunidos ontem, parlamentares escolheram Hiran como coordenador.

Reunida em Brasília, ontem, a bancada roraimense no Congresso decidiu eleger o deputado Hiran Gonçalves (PP) como o novo coordenador.

Foi o primeiro encontro de deputados e senadores (reeleitos e novatos) desde a posse, ocorrida na última sexta-feira, dia 1º. Foram discutidas questões emergenciais do Estado e dos efeitos da crise financeira.

No encontro, o deputado federal Haroldo Cathedral reforçou a necessidade da união do grupo. “Este momento exige um esforço concentrado, livre de vaidades individuais, para que possamos efetivamente ajudar o estado a sair desta grave situação financeira que tem causado prejuízos em setores vitais como educação, saúde e segurança, disse

Participaram da reunião os deputados Haroldo Cathedral (PSD), Hiran Gonçalves (PP), Édio Lopes (PR), Joênia Wapichana (Rede), Jhonatan de Jesus (PRB), Otaci (SD), além dos senadores Mecias de Jesus (PRB), Chico Rodrigues e Telmário Mota (PTB).

Fortalecimento da língua portuguesa | O deputado federal Haroldo Cathedral (SD)  – foto acima – participou ontem na Câmara dos Deputados da sessão de instalação do grupo de trabalho que tem o objetivo de promover a troca de experiências parlamentares, para o fortalecimento da cooperação internacional com países que guardam o legado cultural da língua portuguesa.“Nosso compromisso é buscar boas práticas educacionais que possam contribuir com o desenvolvimento da qualidade do ensino nas escolas brasileiras”, disse o parlamentar ao final da reunião.

Recuando e se desgastando

Denarium ainda vai se pronunciar sobre o cancelamento.

Mal assessorado o governador Antônio Denarium vai acumulando desgaste por conta de decisões não bem sucedidas.

No caso do cancelamento dos concursos públicos, a corrosão na imagem já debilitada do Governo, sobretudo pelo que herdou, é evidente.

E torna-se ainda mais fragilizada pelo fato de Denarium admitir que pode recuar da decisão anunciada pelo vice Frutuoso Lins.

Outros recuos do governador já lhe causaram perdas: nos casos em que nomeou e exonerou a esposa, uma irmã e um sobrinho para cargos no Governo, mais tarde exonerados, diante da pressão pública.

Concursos: deputados aliados protestam

O deputado Jorge Everton assinou a nota de repúdio.

O cancelamento dos concursos gerou indignação também entre os aliados do governador Antônio Denarium na Assembleia Legislativa.

A Frente Parlamentarem Defesa da Segurança Pública e dos Servidores deu um ‘pinote’ feio em protesto contra a medida governamental.

Formada pelos deputados Jorge Everton, Coronel Chagas, Soldado Sampaio e Nilton do Simpol divulgaram Nora de Repúdio nas redes sociais para discordar do cancelamento.

Os deputados afirmam que mesmo sendo sabedores da grave crise financeira que assola o Estado, é preciso buscar outros mecanismos para superar essa fase delicada e que não será o cancelamento dos concursos que vai resolver o problema.

Saídas para o desenvolvimento

Denarium e os deputados roraimenses com o ministro Tarcísio.

Acompanhado dos deputados federais Haroldo Cathedral (PSD), Hiran Gonçalves (PP) e Otaci (SD), o governador Antônio Denarium (PSL) participou em Brasília de uma audiência com o ministro da Infaestrutura, Tarcísio Freitas, juntamente com as bancadas do Amazonas e Rondônia, além dos governadores desses estados para tratar sobre a retomada da obra do Linhão de Tucuruí e a inclusão da rodovia 319 no programa estratégico de investimentos do Governo Federal.

Todos defenderam a importância da BR 319 como rota de integração na região Norte. “Estamos pleiteando a pavimentação de uma rodovia de extrema relevância social, que assegura o direito à mobilidade da população e impacta no desenvolvimento econômico regional”, afirmaram os parlamentares roraimenses.

Durante o encontro o ministro Tarcísio Freitas afirmou que irá agir para solucionar os entraves entorno do licenciamento ambiental, a fim de que seja possível a execução da obra. De acordo com o ministro, trata-se de um compromisso político do atual governo.

O ministro considerou que é um absurdo não concluir a obra do Linhão de Tucuruí, pois seria economicamente mais viável do que manter os altos custos das termelétricas no estado de Roraima. Tarcísio Freitas afirmou que este tema será um dos grandes desafios que o Governo Federal terá que superar.

Setrabes sem comissionados

A Setrabes será obrigada a demitir todos os servidores comissionados.

Uma decisão da 2ª Vara da Fazenda Pública, Luiz Alberto de Morais Júnior, obriga o Governo do Estado a exonerar todos os servidores nomeados de forma irregular para a Secretária do Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes).

A medida foi publicada ontem no sistema eletrônico do Poder Judiciário (Projudi), determinando que a decisão seja cumprida no prazo de 72h, para que a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) preste esclarecimentos e a comprovação do desligamento dos funcionários de vinculo temporário.

A sentença do juiz é decorrente da assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em ocasião anterior entre o Estado e o Mistério Público de Roraima (MP).

Caso não siga a determinação do Tribunal de Justiça, o Estado pode ser penalizado a paga diário uma multa no valor de R$ 5 mil.

TRE tem novo presidente

Jefferson: o novo presidente do TRE.

O desembargador Jefferson Fernandes assume hoje a presidência do Tribunal Regional Eleitora (TRE) em substituição a desembargadora Tânia Vasconcelos.

Leonardo Cupello será o vice para o biênio 2019/21.Os dois magistrados irão comandar as eleições municipais de 2020.

O novo presidente tem 56 anos, é natural de Feira de Santana/BA.


www.peronico.com.br – emails: peronico.27@gmail.com / blogdoperonico@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Mais Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: