Mais R$ 280 milhões serão liberados para Exército cuidar de venezuelanos em Roraima.

Compartilhe nosso conteúdo!

Os venezuelanos continuam causando um buraco danado no orçamento da União. É que o Governo Federal vai destinar mais R$ 280 milhões para que o Exército continue a prestar serviço de atendimento aos imigrantes que aqui chegam todos os dias e aos que já estão alojados em abrigos em Boa Vista e Pacaraima, sendo assistidos na Operação Acolhida.

Somados aos milhões enviados no Governo Temer e todo o recurso que será destinado na atua gestão de Jair Bolsonaro, ao final deste ano a Operação Acolhida terá consumido próximo de R$ 1 bilhão.

A entrada de venezuelanos por Pacaraima continua mantendo a média de ao menos 500 todos os dias. Segundo o Exército desde março de 2018 pelo menos 330 mil imigrantes ingressaram em Roraima. Só em 2019 foram 159 mil foram vacinados no posto de triagem, montado em Pacaraima.

Segundo o general Antônio Barros, novo coordenador da Operação em Roraima, as ações serão dinamizadas a partir deste ano com a montagem de um Centro de Coordenação que vai unir todos os envolvidos para trocas de informações e, consequentemente, dar agilidade ao processo de interiorização para outras regiões do país.

Contatos – www.peronico.com.br– emails: peronico.27@gmail.com / blogdoperonico@gmail.com / expeditoperonico@gmail.com Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts