Operação K’daai Maqsin: Armas caseiras abastecem garimpos e facções criminosas em Roraima, informa PF.

 Operação K’daai Maqsin: Armas caseiras abastecem garimpos e facções criminosas em Roraima, informa PF.
Compartilhe este artigo

There is no ads to display, Please add some

A Coluna de Hoje | Publicada 00:05

Agente federal verifica material apreendido. Foto | POlícia Federal

A Polícia Federal parece que resolveu sentar praça em Roraima. Em mais uma ação, realizada ontem, denominada Operação K’daai Maqsin*, a PF desarticulou organização criminosa que seria responsável pela fabricação ilegal de armas e munições que abasteceria garimpo e facções criminosas no Estado.

Mais de 80 policiais cumpriram 10 mandados de prisão preventiva e 20 de busca e apreensão nas cidades de Bo Vista e Uiramutã, em Roraima, e Manaus, no Amazonas.

Além de fornecer armas a facções criminosas e garimpeiros, os chefes do grupo também operavam diretamente na exploração ilegal de ouro em terras indígenas, segundo detalhou a PF.

O inquérito policial foi instaurado após diligências constatarem que um galpão, localizado em Boa Vista/RR, poderia estar sendo utilizado como oficina para a fabricação e comercialização de armas de fogo e munições de forma irregular. 

Com o avanço das investigações, a PF identificou uma rede de armeiros irregulares que estariam operando no estado, inclusive contando com o apoio de um estabelecimento comercial familiar que operaria com aparente legalidade. O

Os indícios apontam que os principais suspeitos, além de abastecerem garimpos e outras atividades ilegais da região com os armamentos, operariam diretamente a exploração ilegal de ouro em terras indígenas. Fonte | Polícia Federal

Jalser presidiu a última sessão do ano na quinta. Foto | SupCom/ALE

Estado terá R$ 4,777 bilhões | Acabou já tarde da noite de quinta-feira (12) a sessão da Assembleia Legislativa que aprovou o orçamento geral do Estado para 2020. A estimativa é de uma receita de R$ 4.777.523.439 bilhões.

O valor ficou 30% maior que o orçamento de 2019 e dessa vez os deputados – por maioria, sob o comando do presidente Jalser Renier – ignoraram o apelo do governo de congelar o orçamento dos poderes Legislativo e Judiciário.

A base governista até que tentou obstruir a votação, mas no final a LOA foi aprovada com 14 votos favoráveis dos 24 deputados.

Denarium só poderá remanejar 10% do orçamento. Foto | Secom/RR

Somente 10% de remanejamento | Na votação do orçamento ficou claro que além de desprezarem o apelo do governo para manter os valores deste ano passado, os deputados reduziram o poder do governador Antonio Denarium de remanejar recursos.

Antes a suplementação de crédito alcançava 20% de toda a arrecadação fiscal. Caiu para apenas 10%.

Outra decisão importante é que houve um reajuste de R$ 38 milhões para os demais poderes: R$ 20 milhões para o Tribunal de Justiça, R$ 9 milhões para a Assembleia, R$ 4 milhões para a Defensoria Pública e R$ 5 milhões para o Tribunal de Contas do Estado.

A sessão que votou o orçamento foi até à noite. Foto | SupCom/ALE

Educação terá R$ 917 milhões | As áreas com maior volume de recursos no orçamento de 2020 serão Educação com R$ 917 milhões, Saúde, com R$ 880 milhões, e instituições ligadas à Segurança Pública, incluindo Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Civil, totalizando R$ 534 milhões. 

Na saúde, os profissionais da enfermagem terão R$ 24 milhões assegurados para o pagamento de progressões horizontais aos servidores efetivos e outros R$4,3 milhões foram alocados para progressões horizontais de servidores da radiologia da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

Na área da Segurança, R$ 1 milhão foi destinado para complementar a execução de etapa do curso de formação de soldados da Polícia Militar do concurso em andamento, R$1 milhão para garantir a formação de oficiais do Corpo de Bombeiros Militar; além de aproximadamente R$ 2,7 milhões que vão garantir o pagamento de progressões de agentes penitenciários.

O novo cento comercial Wakiri, inaugurado ontem. Fotos | Secom/PMBV

Novo espaço comercial | A prefeita Teresa Surita entregou ontem (13) um novo legado para Boa Vista. O Centro Comercial Wakîri, localizado no Centro, que vai impulsionar ainda mais o desenvolvimento do comércio, com geração de emprego e renda.

A proposta é de um espaço aconchegante que vai melhorar a qualidade de vida dos empreendedores. Wakîri é uma palavra indígena de origem macuxi, que significa gostar, agradar.

O centro conta com uma estrutura moderna, 96 boxes comerciais, 14 lanchonetes e uma praça de alimentação que já está beneficiando diretamente 110 famílias, gerando emprego e renda.

A prefeitura pensou num local que pudesse melhorar a forma como os comerciantes que desenvolvem suas atividades na rua, expondo suas mercadorias nas calçadas, enfrentando sol e chuva, pudessem oferecer seus produtos de forma mais segura e organizada.

O local foi destinado a vendedores que estavam no estacionamento do Caxambu e houve edital para preenchimento dos boxes para dar oportunidade a outros comerciantes. 

A prefeita Teresa Surita inaugurou mais uma obra.

Essa é uma obra social muito importante, porque estamos tirando muitas pessoas das ruas, inclusive as que estavam na Jaime Brasil há muitos anos, trabalhando sem nenhuma condição e agora eles estão abrigadas e com uma condição de melhorar muito a vida. Eu estou muito feliz de poder entregar uma obra como essa. Quero agradecer ao senador Romero Jucá pelos recursos, porque foi ele quem arrumou. E desejar a todos muito sucesso, que possam crescer, comercializar seus produtos, gerar renda e mexer com a economia”, destacou a prefeita Teresa Surita.

Telmário lançou insinuações sobre juíza.

Telmário ofende juíza | O senador Telmário Mota não se enxerga: ele já chamou de ‘merdinha’ um juiz do Tribunal de Justiça, ofendeu um general acunhando-o de ‘general de merda’, e vive a afrontar seus adversários políticos.

E em mais uma dessas atitudes desvairadas, o senador boquirroto ultrajou a juíza Lana Leitão, insinuando que a magistrada recebera dinheiro para não decretar a prisão do ex-senador Romero Jucá e do filho dele, Rodrigo Jucá.

No vídeo que distribuiu para grupos de WhattsApp rede sociais, Telmário gesticula esfregando os dedos polegar e indicador, um gesto típico que se refere a dinheiro.

E questionava: “o que levou essa juíza a tomar essa decisão, será que foi dinheiro, será que foi medo?”. Além de ofender a juíza, Telmário prova que de aplicação da lei, não entende nada.

Mas esperar o quê de um político desacreditado, que vive a agredir todo mundo. Alguém tem que dar um basta nesse bestunto …

Sérgio Moro entregou o centro estratégico em Manaus.

Enfrentando o crime organizado | A Região Norte ganhou ontem (13) mais um centro estratégico para o enfrentamento do crime organizado. O local vai reunir, em Manaus, profissionais da área de inteligência em segurança pública de cada um dos sete estados da região (Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins) e do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública – Regional Norte (CIISPR-Norte) é o quarto a entrar em operação este ano.

Em agosto, o ministério inaugurou o Centro Integrado de Inteligência Nacional (CIISP-N), responsável por estabelecer as diretrizes nacionais e coordenar os trabalhos dos centros regionais.

“Esta é uma iniciativa importante. A integração é fundamental, é o ponto central da política de Justiça e segurança pública do governo federal”, disse o ministro Sergio Moro, ao participar da cerimônia de inauguração do centro da região Norte na tarde de hoje.

Beneficiária do Bolsa Família: dados atualizados.

Bolsa família atualizada | A Prefeitura de Boa Vista promove neste sábado, 14, uma ação para atualização das informações de saúde dos beneficiários do programa Bolsa Família. A ação vai acontecer das 8h às 12h na Escola Municipal Profª Glemiria Gonzaga Andrade, na Av. do Sol, 395 – Cidade Satélite.

É necessário que toda a família esteja munida de cartão de vacina, cartão do programa e no caso da gestante, o cartão de acompanhamento gestacional.

Além dessas ações específicas, a atualização das condicionalidades de saúde é feita normalmente em todas as unidades básicas de saúde e consiste em levar as crianças menores de 7 anos para tomar as vacinas recomendadas pelas equipes de saúde e para pesar, medir e fazer o acompanhamento do crescimento e do desenvolvimento.

CONTATOS DO AUTOR

www.peronico.com.br – emails: peronico.27@gmail.com / blogdoperonico@gmail.com / expeditoperonico@gmail.com Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

peronico

http://peronico.com.br

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Posts Relacionados

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: