PMDB de Romero Jucá desiste de barrar alianças regionais e já busca coalizão com o PT em 8 estados.

Compartilhe nosso conteúdo!
*** A Coluna de hoje /// Publicada 00h18m ***
O senador Romero Jucá (RR) está conduzindo o processo de alianças do PMDB em vários estados.

Sem um candidato próprio à Presidência da República em 2018, o PMDB definiu como prioridade nas eleições do próximo ano a manutenção do seu poder de fogo no Congresso Nacional. Para isso, o partido desistiu da ideia de barrar alianças regionais com petistas e liberou peemedebistas para se coligarem nos Estados com o PT, legenda com o qual rompeu no plano nacional desde o impeachment da presidente cassada Dilma Rousseff, em 2016.

A aliança PT-PMDB deve ocorrer em ao menos oito Estados. O objetivo da sigla é se manter como dono das maiores bancadas na Câmara e no Senado na próxima legislatura (2019-2022).

Presidente nacional do PMDB, o senador Romero Jucá (RR) disse ao Estadão/Broadcast que as alianças regionais podem ser feitas com qualquer legenda. “Não há nenhum tipo de proibição. Cada Estado tem uma realidade diferente”, disse.

O senador admitiu que membros do partido já estão conversando com integrantes do PT nos Estados e avaliou que não há “nenhum problema nisso”. Segundo o dirigente, a questão será oficializada na reunião da executiva do partido, ainda sem data definida para ocorrer. Na semana passada, Jucá se reuniu com deputados federais do PMDB mineiro para anunciar a decisão de liberar as coligações.

Ao liberar as alianças com o PT, o PMDB quer também evitar debandadas de parlamentares do partido. Pelas contas de Celso Pansera (PMDB-RJ), de dez a 12 deputados federais devem deixar a legenda em março, quando haverá janela para troca de partidos, sem risco de perda do mandato. O próprio Pansera deve ser um deles. Pela estimativa do líder do PMDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), porém, a debandada deve ser menor. “Acho que uns seis deputados devem sair”, disse. Hoje, o PMDB tem 61 deputados e 22 senadores. Com informações | Estadão.

PMDB adia convenção

Esta marca antiga do PMDB dará lugar a uma nova e com a retirada do “P”: se chamará apenas MDB.

A nova convenção do PMDB só deve ser realizada no próximo ano. O encontro foi cancelado porque seu objetivo principal seria apresentar a nova marca do partido e abandonar o P de seu nome, que passará a ser só MDB.

A Convenção, que estava marcada para ocorrer no próximo sábado (7), foi adiada. Por meio de nota, a Executiva Nacional do partido informou que uma nova data está sendo definida e será comunicada em breve.

O presidente nacional da sigla, Romero Jucá irá esquematizar as novas bandeiras do PMDB e a reestruturação programática, que serão aprovadas na convenção, no mesmo dia que o partido mudará de nome para MDB.

Suely ganha ‘espaçozinho’ no Progressistas

Suely ganhou poucos segundos no programa do Progressistas. E só para falar inverdades.

Para a proeminência do cargo – é a única governadora do país filiada ao novo Progressistas – a participação de Suely Campos no programa político do partido no horário gratuito de quinta-feira, foi pífia.

Ela apareceu por míseros 38 segundos e ainda assim para falar o que não é verdadeiro. Disse que Roraima está vivendo o melhor momento de sua vida política na história, com geração de riqueza e renda. Pura mentira!

Desta vez Suely deu o troco no deputado Hiran Gonçalves, que não apareceu no programa nacional do Progressistas, justamente no lançamento da nova marca do antigo Partido Progressista – PP.

Todos sabem, Hirnan e sua esposa Gerlane ocuparam todos os minutos do partido na grade de inserções aqui nas tvs locais. Mas no horário nacional foram ignorados.

Pedido feito. Pedido realizado | Um frequentado assíduo da prainha da Polar ‘invadiu’ o Whats App da refeita Teresa Surita com um pedido modesto, porém, importante para banhistas e pequenos comerciantes que frequentam o balneário: queria que a estradinha de acesso ao local, bastante castigada em decorrência do inverno, fosse arrumada. Poucas horas depois a resposta veio na forma mais concreta. A prefeita postou as fotos do serviço sendo executado e um agradecimento ao interlocutor por ter avisado do problema. As condições do acesso estavam realmente precários com o perigo de acidentes graves e gerando incômodos para banhistas que frequentam o local regularmente.

Câmara dos Deputados: folga de 10 dias para servidores e deputados

A precisão é que o plenário da Câmara dos Deputados esteja completamente vazio entre 11 e 20 deste mês.

A menos de 45 dias do recesso de fim de ano, quando para por quase 60 dias, a Câmara dos Deputados marcou sessões entre os dias 6 e 10, todos os dias da próxima semana.

Mas não é choque de gestão, é pura embromação: as sessões servirão para “adiantar” o trabalho e possibilitar dez dias de folga, uma vez que o feriado do dia 15 cai na quarta-feira. Na prática, a Câmara vai parar entre 11 e 21 de novembro.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, convocou sessões para a tarde de segunda-feira (6) e a manhã de sexta (10).

Não há na agenda oficial da Câmara dos Deputados uma única sessão, reunião ou audiência, entre os dias 12 e 17 próximos.

No Senado a perspectiva do feriadão é a mesma da Câmara, mas ainda não publicou oficialmente a agenda da semana da provável folga.

Novas ambulâncias para Roraima 

Ambulâncias iguais a esta foram conseguidas pelo deputado Jhonatan para municípios do sul de Roraima.

O deputado federal Jhonatan de Jesus (PRB) conseguiu junto ao Ministério da Saúde a liberação de ambulâncias para atender unidades estaduais de saúde do Governo do Estado na região sul.

Serão destinadas duas ambulâncias para Caroebe, sendo uma para atender aos moradores da Vila Entre Rios e outra para atender aos moradores da sede do município.

São Luiz do Anauá também será contemplado com uma ambulância para atender o hospital local e o município de São João da Baliza vai dispor de uma nova viatura para a remoção dos pacientes que precisam se deslocar para atendimento médico.

 

Conforme o parlamentar, as ambulâncias de transporte do tipo A, da marca Mercedes-Benz serão destinadas à remoção de pacientes com mais conforto e qualidade. E prazo para a entrega das ambulâncias para os municípios é de 120 à 150 dias, conforme ata de adesão por parte do Governo de Roraima.

Praça tomada pelos drogados

Venezuelanos são flagrados fumando maconha e craque na praça Germano Sampaio.

Comovente o apelo de um pai que não consegue levar o filho pequenos à praça Germano Augusto Sampaio, no bairro Pintolândia, pela presença constate de usuários de drogas.

Ontem ele postou fotos de jovens fumando craque e maconha em lena luz do dia com um pedido para que as autoridades de segurança tomem providência e livre o logradouro para que as crianças possam brincar.

Fui na Praça Germano Sampaio com meu filho e me deparei com essa cena… Venezuelanos fumando maconha e craque ao ar livre, e ainda dividindo com uma criança de + ou – 10 anos de idade… e para não ficar nas minhas palavras segue a foto”, publicou ele postado as fotos em sua página no Facebook.

Gás de cozinha: novo aumento de 4,5%

O reajuste para o gás de cozinha é o segundo anunciado pelo governo em menos de um mês.

A Petrobrás informou ontem que vai  aumentar o preço  do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) para uso residencial, o gás de cozinha, de botijões de até 13 kg (P-13) em 4,5%, em média, a partir da zero hora do próximo domingo, 5.

De acordo com a estatal, o reajuste foi causado principalmente pela alta das cotações do produto nos mercados internacionais, influenciada pela conjuntura externa e pela proximidade do inverno no Hemisfério Norte.

A variação do câmbio também contribuiu, destacou a companhia em nota. O último reajuste do gás de cozinha ocorreu em 11 de outubro deste ano. Na última quarta-feira, 1, a companhia elevou o preço do GLP industrial em 6,5%.

Recuperação fiscal: União fixa garantias

Estados que quiserem dinheiro emprestado do tesouro terão que se enquadrar.

O Tesouro Nacional estabeleceu limites para a concessão de garantias da União a operações de crédito de Estados e Distrito Federal que façam adesão ao Regime de Recuperação Fiscal.

Em Portaria publicada no Diário Oficial da União de ontem, 3, o Tesouro define que o valor total de novas concessões de garantias a ser compartilhado entre os Estados que adiram ao Regime de Recuperação Fiscal fica limitado à 4,5% da Receita Corrente Líquida (RCL) da União.

Além disso, o Estado que desejar aderir ao Regime não poderá prever operações de crédito com garantia que representem mais de 1,5% da RCL da União.


CONTATOS DO AUTOR | www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts