‘Presente’ de fim de ano: Suely põe no ‘olho da rua’ 948 servidores comissionados.

Compartilhe nosso conteúdo!
A Coluna de Hoje | Publicada 00h13
Suely assinou centenas de decretos de exonerações com maior número na Secretaria de Educação.

O Governo de Suely Campos vai fechar o ciclo trágico de 4 anos de forma fúnebre: não bastasse o infortúnio causado por não pagar salários em dia, ter contribuído para a falência de várias empresas, não paga fornecedores, não repassa em dia o duodécimo dos poderes, não fez um investimento em infraestrutura, abandonou a educação e a segurança pública e deixou à beira do abismo o sistema de saúde, agora vem a notícia macabra para o encerrar de vez  ano mal-afortunado: a demissão de quase de 1.000 servidores de cargos em comissão.

As listas com as exonerações engordam as páginas do Diário Oficial do Estado (DOE), de nº 3350, publicado no último dia 1º deste mês.  Os atos contêm 948 exonerações de 13 secretarias, com metade dos cortes na Secretaria Estadual de Educação, que perdeu 534 cargos.

Na Casa civil foram publicados 105 decretos de exoneração, 41 demissões na Secretaria do índio e 8 Ouvidoria Geral. Na Secretaria de Comunicação Social ocorreram nove demissões, enquanto 39 pessoas foram demitidas na Casa Militar.

Houve exoneração também na Secretaria de Planejamento onde 40 pessoas foram demitidas. A Polícia Civil perdeu 12 servidores, na Secretaria de Infraestrutura houve 17 demissões e na Secretaria de Articulação Municipal e Política Urbana, 25.

Na Secretaria de Administração foram 77 demissões. Secretaria do Bem-Estar Social, onde Emília Campos, filha da governadora, atua, foram demitidas 36 pessoas colocadas no olho da rua.

Escolha pessoal 
Denarium anunciou alguns secretários e deve anunciar os demais no decorrer da semana.

O governador eleito Antônio Denarium (PSL) ao que parece não aceitará ingerência política na escola do secretariado.

Os primeiros nomes, anunciados no sábado (10) ou tem o perfil técnico para a função, ou seja, é do meio para o qual foi indicado, ou vem na cota pessoal dele [Denarium].

Denairum Está cumprindo justamente o que prometeu na campanha no que diz respeito a formação da equipe de governo.

Ele assegurou que foram obedecidos critérios técnicos na escolha dos nomes que vão compor seu secretariado.

Eixos da transição
O vice Frutuoso é que vai comandar o processo de transição junto ao Governo de Suely.

O vice-governador eleito Frutuoso Lins e quem vai coordenar a transição. Os entendimentos entre as equipes já foram iniciados mas os trabalhos só começam efetivamente no dia 19.

Frutuoso disse eu foi bem recebido Palácio Senador Hélio Campos e que já manteve um bom diálogo com o chefe da Casa Civil, Frederico Linhares, que será o encarregado de fornecer informações sobre o trágico governo de Suely.

Frutuoso revelou que a transição trabalhará sobre quatro eixos: finanças, social, desenvolvimento e gestão pública. Cada um deles, segundo o vice, tem suas respectivas secretarias.

Denarium encontra Bolsonaro
Bolsonaro recebe governadores, amanhã, em Brasília. Denarium confirmou presença no encontro.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, deverá se encontrar amanhã (14), em Brasília, com pelo menos 18 governadores eleitos ou reeleitos. O evento está sendo organizado pelos futuros governadores do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, e de São Paulo, João Dória.

E o governador eleito de Roraima, Antônio Denarium, que é do mesmo partido de Bolsonaro (PSL) confirmou presença, claro. E já estará em Brasília hoje ela manhã.

O encontro, marcado para as 9h, será no Centro Internacional de Convenções de Brasília (CICB), que fica próximo do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), local de trabalho da equipe de transição de governo.

Segundo os organizadores, a ideia é que seja um “encontro de aproximação”. Além de Bolsonaro, deverão participar do evento os futuros ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. A palavra também será aberta aos futuros governadores.

Jucá e Eunício disputam MDB
Os senadores Romero Jucá e Eunício Oliveira disputam a presidência do MDB.

A disputa pela presidência do MDB segue quente. A princípio, os postulantes ao cargo são Romero Jucá, atual comandante, e Eunício Oliveira, o desafiante. Ambos sem mandatos, mas com inegável prestígio político.

Jucá deve contar com apoio da turma ligada a Michel Temer. Ele é elogiado por sua organização e metodologia como presidente.

Eunício, por sua vez, confirmada sua candidatura, deve ser apoiado pela “oposição”:

A princípio, não passava pela cabeça do presidente do Senado concorrer. Ele só passou a considerar a possibilidade após sugestão de um importante cacique, que vai permanecer neutro após Jucá também sinalizar que vai tentar a permanência à frente da legenda.

A saga dos sem salários
Mulheres de policiais militares, bombeiros e civis continuam acampadas no gramado do Palácio.

E continua a saga dos servidores estaduais que ainda tentam receber seus salários. Embora tenham recebido um dos atrasados sexta-feira, a categoria pretende continuar em estado de greve até que tudo seja regularizado, pois, segundo eles, o de outubro ainda não foi pago.

Os trabalhadores anunciaram a suspensão da paralisação até esta quarta-feira, quando esperam receber os salários, o que é pouco provável

Caso isso não aconteça, prometem cruzar os braços novamente e permanecer acampados em frente ao Palácio do Governo e protestando no Centro Cívico.

A dignidade ferida
Famílias de policiais bloquearam a BR-174 em Ronainópolis em protesto.

Mulheres de policiais civis, militares e bombeiros bloquearam sábado trecho da BR-174 em Rorainópolis para protestar contra o atraso de salários.

Já que a Constituição veda a participação desses profissionais em movimentos paredistas, suas companheiras arregaçam as mangas para cobrar do governo (surdo, cego e mudo) o que lhes é de direito.

E enquanto não têm as reivindicações atendidas, suas famílias se viram como podem sem dinheiro e com a dignidade cada vez mais ferida. Mesma situação pela qual passam as mulheres de servidores que estão acampadas em frente ao Palácio Senador Hélio Campos. Fonte | RT

Aberto período de matrículas
As matrículas na rede municipal de ensino já estão abertas pelo Call Center.

Esta semana, a Prefeitura de Boa Vista deu início à efetivação das matrículas das crianças com idade escolar para as Casas Mães e turmas maternais das escolas pró-infância.

Quem solicitar através do Call Center (0800-280-3536) até o próximo dia 23 fará uma pré-inscrição e concorrerá em vagas remanescentes do grupo prioritário.

Quem faz parte do Programa Família Que Acolhe tem vaga garantida e as matrículas estão sendo efetivadas.

Os pais e responsáveis por alunos da rede municipal devem ficar atentos aos prazos estabelecidos no Edital de Matrículas 2019, publicado em Diário Oficial. Os prazos para transferências de alunos para qualquer uma das escolas da rede começam no mês de dezembro e as solicitações de novas matrículas serão feitas em janeiro de 2019.

Pedidos pelo Call CenterDesde 2014, em Boa Vista, os pedidos de matrículas são feitos exclusivamente por meio do Call Center (0800-280-3536), evitando que pais durmam na frente das escolas para garantir as vagas. O sistema funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Com o fim do Ano letivo 2018, já é possível estimar que serão disponibilizadas na rede municipal mais de 5 mil novas vagas para a pré-escola e Ensino Fundamental. Calendário Escolar 2019 – Foi publicado também no Diário Oficial o Calendário Escolar para o ano letivo 2019. Para o Ensino Regular, o ano divide-se em quatro bimestres, totalizando 207 dias letivos. O Calendário, em pauta, contempla e define o início do ano letivo para o dia 30 de janeiro de 2019 e término para o dia 13 de dezembro de 2019, destinados à Educação Infantil, Ensino Fundamental e para a Educação de Jovens e Adultos.

Energia solar abastece mercado
A usina solar foi instalada sobre o teto, garantindo o abastecimento de todo o Mercado São Francisco.

Que o Mercado São Francisco é uma boa opção para toda a família roraimense, todo mundo já sabe. O que muita gente ainda não sabe é que a estrutura foi completamente modernizada e ganhou uma usina de produção de energia solar, com durabilidade de 25 anos.

O sistema é composto por 600 placas fotovoltaicas de 340 watts, o que garante potência máxima de 200 quilowatts. A energia solar é captada nas placas e é jogada em inversores de energia, sendo automaticamente transferida para a rede da concessionária.

De acordo com um estudo feito pela Prefeitura, o investimento feito na usina de energia solar terá um retorno em termos de compensação e economia em 5 anos. A usina de energia solar do Mercado São Francisco é a maior do estado, seguida pela usina do Mini Terminal Luis Canuto Chaves e da Comunidade Indígena Darôra no baixo São Marcos.


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.
Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts