Presente de grego: TCU condena Neudo a devolver R$ 2,8 milhões desviados dos cofres do Estado

Compartilhe nosso conteúdo!

A Coluna de hoje | Publicada 00h23

No dia em que a governadora Suely completou 100 dias no comando do Governo, quem ganhou um belo de um presente foi o maridão e mentor político, Neudo Campos: foi condenado pelo Tribunal de Contas da União ao pagamento de R$ 2,6 milhões por conta de irregularidades cometidas durante a sua gestão à frente do Estado, no ano de 2001. A penalidade contra o ex-governador inclui ainda a aplicação de uma multa de R$ 270 mil. Juntando tudo resulta em R$ 2 milhões e 800 mil.

É mais uma das ações das muitas do rol em que tem Neudo figura como réu e que complicou sua vida política a ponto de impedi-lo de disputar eleições e assumir cargos públicos. A sentença de agora é por anomalias cometidas em obras contratadas para a BR-174. Depois de ouvir o ex-governador, o TCU concluiu que Neudo não foi capaz de explicar as irregularidades encontradas em um contrato de R$ 2,7 milhões.

As cobranças apresentadas pelo TCU também deverão ser quitadas pelo então diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Roraima – DER – além do chefe do 1º Distrito Rodoviário Federal do DNER, Wellington Lins de Albuquerque. O TCU apontou que houve omissões na prestação de contas dos termos aditivos do contrato, além de irregularidades nos dados apresentados para justificar as obras e serviços executados.

No ano passado, Neudo chegou a tentar se candidatar ao governo de Roraima, mas teve o seu registro indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima. Segundo o TRE, ele foi impedido de se candidatar por conta de condenação por peculato (crime contra a administração pública) pelo Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região além de ter as contas rejeitadas pelo TCU.

Ideia de asno

Convite do chá com a imprensa: arte gráfica bem primitiva.
Convite do chá com a imprensa: arte gráfica bem primitiva.

De um péssimo e apavorante gosto a ideia de juntar jornalistas no Palácio do Governo para um “Chá com a Imprensa” para comemorar os 100 dias do governo de Suely Campos. Mas comemorar o quê?!

No convite enviado pela Comunicação, o Governo quer reunir profissionais da imprensa, na segunda-feira 13, no Salão Nobre. Mas para celebrar o quê?

Ai o jornalista Jessé Souza, editor-chefe da Folha de Boa Vista, maior e mais antigo jornal em circulação de Roraima, foi logo avisando, em sua página no Facebook: “Obrigado, mas não vou. Até porque já sei o que será dito: A culpa é da gestão passada. E chá o meu salário ainda garante pagar no Mercado Romeu Caldas”.

Toma-lhe!

Menor idade: todos são contra

Entidades reunidas na OAB para o lançamento do manifesto contra a redução da maioridade pela.
Entidades reunidas na OAB para o lançamento do manifesto contra a redução da maioridade pela.

O debate da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos, aprovada na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal, chegou a Roraima.

Entidades de peso como OAB, Associação dos Magistrados do Brasil, Ministério Público, Universidade Federal e Diocese de Roraima se manifestaram pela manutenção da lei atual. Em manifesto divulgado ontem na sede da Ordem.

No entendimento de todos a criminalidade envolvendo crianças e adolescentes requer atenção especial das autoridades e de toda a sociedade, mas não se deve deixar que a comoção leve a caminhos que não irão resolver o problema, mas apenas agravá-lo.

A Constituição fixa a maioridade penal em 18 anos. Para a Ordem, esta é uma cláusula pétrea, que não pode ser modificada. Além disso, há dados que mostram que essa medida seria inócua.

Tô nem ai…

Mas nesses tempos de robustez do noticiário em que a corrupção serve de matéria prima, o evento da Diocese sobre idade penal do jovem ao atraiu a atenção de quase ninguém

Havia uma duas dúzias de estudantes de Direito, meia dúzia de advogados e três equipes da imprensa.

Agora, se fosse convidados para a cobertura de um escândalo, sobretudo com o envolvimento de políticos, o plenário da OAB certamente estaria entupido até o talo.

Os 100 dias de Jalser

Jalser acha prematuro avaliar o governo de Suely, mas acha que está tudo por fazer.
Jalser acha prematuro avaliar o governo de Suely, mas acha que está tudo por fazer.

O presidente da Assembleia deputado Jalser Renier ontem anunciou novas ações para aproximar o Legislativo da população. E fez uma avaliação dos primeiros 100 dias de sua gestão.

Uma das medidas confirmada é a realização de concurso público, com estudo previsto já para o segundo semestre e retorno dos programas Assembleia Cidadã e Cine ALE.

Anunciou a expansão dos serviços oferecidos pelo Chame, Centro de Apoio às Câmaras e Procon Assembleia para o interior do estado.

Tivemos algumas medidas consideradas antipáticas no início da gestão. Demitimos servidores comissionados e acabamos com o chamado Trem da Alegria, que foi criado dentro da ALE, efetivando servidores sem concurso. Vamos fazer o concurso público para que as pessoas possam estudar e entrar aqui pela porta da frente e não através de apadrinhamentos políticos”, afirmou Jalser.

Cada um cuida do seu

Perguntaram ao presidente da Assembleia qual seu abalançamento dos primeiros três meses do governo de Suely.

Jalser cuidou de sair pela lateral: “acho prematuro fazer uma análise geral e clínica da estrutura do Governo nesse período, mas afirmo que a gestão precisa melhorar e deixar de fazer política com o passado”.

– Sabemos e reconhecemos que o governo pegou o estado em uma situação difícil, mas essas dificuldades não são desculpas para você não fazer uma boa gestão.

Retorno do crédito

A governadora Suely anunciou o retorno do crédito social a partir deste mês.
A governadora Suely anunciou o retorno do crédito social a partir deste mês.

Após uma minuciosa auditoria em que se constatou um punhado de irregularidades, o governo anunciou ontem o restabelecimento do pagamento do Crédito Social.

Será retomado no dia 30 deste mês e durante três meses, os beneficiários de todos os municípios do estado receberão a ordem de R$ 240, referente ao valor do mês e ao atrasado, dada a suspensão do benefício desde janeiro deste ano.

O anúncio foi feito pela governadora Suely Campos.Dessa forma, até junho serão injetados mais de R$ 6 milhões na economia local. O resultado da auditoria foi entregue ao Ministério Público de Roraima.

E tome porrada no PT 

O deputado Abel Mesquita falando no Plenário da Câmara.
O deputado Abel falando no Plenário da Câmara.

O deputado federal Abel Mesquita – não é mais galinha – está furibundo com os colegas do PT.

Fez um pronunciamento no plenário para falar sobre a MP 660 que regulamenta a Emenda Constitucional n 79 – aquela que enquadra na folha da União, aquele pessoal que trabalhou até 1993 no Estado.

E acusou o Governo e o PT por falta de sensibilidade e por terem suprimido dois artigos que deixava claro os critérios para o enquadramento dos servidores e o que igualava os salários dos policias militares e bombeiros do quadro em extinção com o salário dos policiais do Distrito Federal.

A esperança, agora, segundo Abel, é que o Senado possa corrigir essa situação. “Tô com esse pessoal do PT por um fio”, disse.

Endividamento certo

O governo estadual resolveu escancarar. Liberou seus funcionários para o endividamento com empréstimos consignados, que estavam suspensos.

A nova empresa, a Consignum, disponibilizou o site para que o servidor obtenha as informações de margem para o empréstimo.

Por enquanto, o banco Panamericano estará fazendo todas as transações financeiras para o empréstimo. Inicialmente apenas esse banco foi credenciado para os empréstimos.

Fartura: num tem nada!

escola
Alunos cruzaram os braços em sinal de protesto,

Uma semana após o fim da greve dos professores, alunos da escola estadual Maria das Dores Brasil, 13 de Setembro, protestaram contra as más condições da escola e a falta de professores.

Os professores estão acumulando várias disciplinas, e uma das docentes chega a ministrar aula em 11 matérias.

O protesto é por conta da falta de professores, da sujeira da escola, falta de água e de alimentação.

leituraMala de Leitura | A criançada da Escola Municipal Pequeno Príncipe, localizada no bairro Caranã, ganhou novidades que prometem aguçar e estimular a imaginação dos pequenos. O lançamento do Projeto Mala de Leitura – Quem lê conhece o mundo, foi ontem, 10, e contou com apresentação do grupo Voluntários da Leitura, caracterizados de personagens das historinhas infantis, chapeuzinho vermelho, fadinha, narizinho, boneca emília e fiona.

Quem com ferro fere… 

]]]
O líder Brito era o mais crítico em relação às secretarias extraordinárias,

O deputado Brito Bezerra passou o primeiro mandato todinho chicoteando a vida do ex-governador Anchieta com denúncias intensas sobre inoperância das secretarias extraordinárias.

Está sentido agora as estocadas por ter falado demais: é que a governadora Suely Campos reativou mais uma Secretaria Extraordinária. Foi publicado no Diário Oficial do Estado, do dia 8, o decreto que instituiu novamente a Secretaria Extraordinária para Assuntos Internacionais.  E já nomeou Maria de Fátima Araújo Costa para assumir o posto.

É a segunda secretaria reativada pela atual gestão. A primeira foi reaberta para abrigar o forasteiro João Pizzollati.

CONTATOS: www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – whatsapp: 98122-3345 – Facebook: Peronnico Expedito

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Related Posts