Procurador de Contas terá que devolver dinheiro gasto em viagem de lazer.

Compartilhe nosso conteúdo!
A Coluna de Hoje | Publicada 00h12
Paulo Sérgio foi condenado a devolver dinheiro que usou para uma viagem de lazer.

Pago para fiscalizar os desmandos com o dinheiro público, o procurador do Ministério Público de Contas, Paulo Sérgio Oliveira dos Santos, foi pego, digamos assim, com ‘ mão na bufunfa’.

Ele utilizou dinheiro de diárias para passear em Campos do Jordão (São Paulo), junto com a secretária Anandria Souza Sales, depois de participar de um evento oficial no Rio de Janeiro.

O juiz substituto da 2ª Vara da Fazenda Pública, Esdras Silva Pinto, condenou Paulo Sérgio a devolver aos cofres públicos do Estado de Roraima a importância de R$ 12.541,14, gastos com a farra.

Na mesma ação ele condenou a servidora Anandria que também faça a devolução do dinheiro gasto na viagem no valor de R$ 7.976,78. A decisão é em atendimento a uma ação popular, ajuizada pelo advogado Deusdedith Ferreira Araújo.

O processo trata do caso em que o procurador junto com uma servidora do MPC viajou ao Rio de Janeiro, mas que “utilizou-se da oportunidade para realizar viagem de cunho pessoal para a cidade de Campos do Jordão – SP, fazendo uso de verba pública para tal, motivo pelo qual foi ajuizado a presente demanda”.

Paulo Sérgio, porém, defendeu-se, através de Nota, informando que é provável que o juiz que proferiu a sentença, tenha sido induzido a erro pelo autor da ação.

Anchieta é o único registrado
Entre os candidatos ao Governo, Anchieta é o único que fez o registro no TRE.

A Justiça Eleitoral já abriu o sistema de divulgação de candidaturas para o registro de quem deseja disputar as eleições em Roraima, concorrendo a uma vaga de governador (e o vice), duas de senador, 8 de deputado federal e 24 de deputado estadual.

Mas até ontem, 10, apenas o ex-governador Anchieta Júnior, que disputa um novo mandato pelo PSDB, estava registrado no sistema do TSE junto com o vice Abel Galinha (DEM).

Os demais postulantes a ocupar o Palácio Senador Hélio Campos [Suely Campos, Antônio Denarium, Telmário Mota e Fábio Almeida] não se manifestaram.

Para o Senado três nomes já se registram: Romero Jucá, Chico Rodrigues e Cristian Santos.

Para a Câmara Federal apenas os 16 candidatos da Coligação “Unidos por Roraima” – MDB, PSD, Solidariedade e DC – se registraram. E mais 123 candidatos a deputados estaduais.

Montada na Caravana do Povo
Suely está usando o programa assistencialista Caravana do Povo para fazer política.

A pessoal da Justiça Eleitoral, encarregado de vigiar condutas vedadas nessas eleições, tem que abrir bem os olhos.

A governadora Suely Campos, por exemplo, está utilizando um helicóptero alugado pelo Governo do Estado para fazer politicagem utilizando-se do programa assistencialista Caravana do Povo.

Ontem ela desembarcou garbosa em Normandia, distribuiu um par de sorrisos bem amarelos, depois foi embora no helicóptero de empresa Helimarte Táxi Aéreo (São Paulo), contatada por R$ 3.780.000,00 para transportar sua excelência.

A aeronave está sendo usada para outras ações pessoais da governadora e pelo visto voará fartamente nos seus deslocamentos de campanha.

Mais venezuelanos chegando
Venezuelanos formam extensas fias na Polícia Federal (Pacaraima) para ingressar em Roraima.

Autoridades que se encarregam da segurança na fronteira, em Pacaraima, notaram uma presença muito maior de imigrantes venezuelanos nos últimos dias.

Acham que é resultado do fechamento da fronteira, no final da semana passada, quando a entrada ficou cancelada por 17 horas, devido uma decisão do juiz Helder Girão Barreto.

Acreditam que a expectativa de um novo fechamento precipitou a chegada de mais venezuelanos.

Torrando nosso dinheirinho
São 513 deputados que gastaram a incrível quantia de R$ 168 milhões nessa legislatura.

Os deputados federais gastaram, entre 2015 e 2018, a incrível quantia de 168.303.490,94 para a divulgação de suas atividades parlamentares. Inédito, o levantamento foi feito pelo Ranking dos Políticos.

O custo faz parte da cota mensal a que todos os parlamentares têm direito, variando de R$ 30.788,66 no caso do Distrito Federal, até R$45.612,53, previsto para Roraima.

O campeão é o deputado Wellington Roberto (PR-PB), que pagou 1.127.100,00 para disseminar suas ações.  Em seguida vem César Halum (PRB-TO), com 1.119.763,34.

Veja abaixo o ranking dos deputados mais gastões: Wellington Roberto (PR-PB) – 1.127.100,00, César Halum (PRB-TO) – 1.119.763,34, Cleber Verde (PRB-MA) – 1.099.129,37, Alberto Fraga (DEM-DF) – 1.098.213,90, Hildo Rocha (MDB-MA) – 1.047.860,00, Silas Câmara (PRB-AM) – 1.046.215,80, André Moura (PSC-SE) – 1.032.327,53, Jéssica Sales (MDB-AC) – 1.011.605,00.

Omissão de dados sobre Roraima 

Foi divulgado o Anuário Brasileiro de Segurança Pública de 2018, elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, que compila e analisa registros policiais sobre criminalidade, sistema prisional e outros recortes da violência.

Ao contrário de boa parte do país, Roraima, como não poderia ser diferente dado o histórico, deixa a desejar quando o assunto é informação. Com um “serviço de inteligência” cambaleante que não consegue surpreender bandidos ligados a facções e evitar que eles promovam ataques a torto e a direito, não é de causar admiração que informações básicas que deveriam alimentar qualquer sistema de segurança pública não sejam devidamente “coletadas” pelas autoridades “competentes”.

Por esse motivo, não há dados do Estado sobre casos de violência doméstica, um dos itens compilados pelo fórum responsável pela elaboração do documento. E olha que são quase diários os registros dessa natureza, amplamente noticiados pela imprensa, mas, pelo que se vê, largamente negligenciados pelo governo estadual.

A Bela e a Fera no teatro Municipal | Neste sábado e domingo, 11 e 12 de agosto, o espetáculo “O Mundo Mágico de A Bela e a Fera” será apresentado no Teatro Municipal de Boa Vista, em homenagem ao dia dos pais. A peça tem classificação livre e terá sessão no sábado a partir das 18h e no domingo às 17h. Os ingressos podem ser adquiridos a partir desta quinta-feira, 9, na bilheteria do Teatro, das 16h às 19h, ou pelo site www.ticketphone.com.br. Outras informações podem ser obtidas pelo whats app 99111-6584. O evento é uma realização do Teatro Três, com apoio da Prefeitura de Boa Vista, por meio da Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura de Boa Vista (Fetec). O projeto “Família vai ao Teatro” chega com o objetivo de promover eventos voltados às famílias boa-vistenses, com espetáculos teatrais infantis de alta qualidade técnica e com artistas profissionais em seu elenco.


CONTATOS DO AUTOR www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito – Blog do Expedito Peronnico.
Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts