Selma Mulinari vai criar cavalos. E a população fica burra!

Compartilhe nosso conteúdo!
CONFIDENCIAL | A Coluna de hoje | publicada 00h15

Em meio ao amálgama e o aforçuramento com a paralisação geral anunciada para hoje pelos professores estaduais, levando caos à Educação no Estado, nos chega a notícia de que a secretária Selma Mulinari – irmã da governadora Suely Campos – está preocupada mesmo é com os cavalos de raça que está importando do Rio Grande do Sul, pois alugou uma enorme cocheira no Jókey Clube da cidade onde cuidará – talvez da educação dos asnos – para satisfazer ao seu bel-prazer.

Um professor, que não quer se identificar temendo retaliações e perseguições, fez a denúncia no badalado programa Rádio Verdade, ontem à tarde, comandado pelo jornalista Bruno Perez, na rádio 93.3 FM. Não se pode duvidar da revelação, porque não há como arquitetar ou inventar aleivosias e falsidades envolvendo algo tão importante.

Durante alguns minutos, enquanto perdurou a entrevista, o professor se apôs ao uso da greve como instrumento de postulação de melhorias para a educação, mas não objeta nem contrapõe ao direito dos professores de demandar sobre aquilo que lhes pertence. Confessou, porém, indignação pela iniciativa da secretaria Selma que mesmo diante de tantos problemas enfrentados pelo Estado, ela simplesmente desdenha da população e vai praticar seu hobby preferido. Está impedida de comprar cavalos? Não, obviamente. Mas constitui contrassenso abominável porque deveria se preocupar e priorizar seu tempo com a melhoria da educação e eliminar tantas outras carências vividas pelo povo.

Educação é coisa séria, é a base do cidadão. A educação representa a voz do povo, redefine caminhos, questiona a realidade e a transforma. Povo educado não aceita as falcatruas do governo, a corrupção dos altos escalões, a fome, a miséria.  Povo educado reclama, grita, interpreta a realidade, analisa a situação e propõe mudanças. Povo educado cobra atitudes pontuais das autoridades do governo!

Ornildo, do Sinter, conversou com deputados, mas a secretária Selma não compareceu à reunião na Assembleia.
Ornildo, do Sinter, conversou com deputados, mas a secretária Selma não compareceu à reunião na Assembleia.

Tô nem ai: Selma ignora reunião na Assembleia

A secretária de Educação, Selma Mulinari, era aguardada ontem para um encontro de mediação com o Sindicato dos Professores, na Comissão de Educação da Assembleia. Não apareceu, apenas mandou dizer que estava fora de Roraima.

Vai embora justo em momento grave e instável politicamente para o Governo, que enfrenta seu grande teste de fogo com a greve geral dos professores, que vai parar mais de 350 escolas.

Os mestres cobram cumprimento de direitos alcançados. A negação pelo Governo levará a Educação ao caos, com a paralisação de hoje.

Brito Bezerra propôs o diálogo a ter que enfrentar sucessivas derrotas.
Brito Bezerra propôs o diálogo a ter que enfrentar sucessivas derrotas.

Postura de líder

Apreciável a postura do deputado Brito Bezerra ontem enquanto ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa.

Não posso dizer que desceu do pedestal, porque lá nunca esteve. Sempre foi um parlamentar coerente e absolutamente participativo. Mas estava meio que acabrunhado diante de tantas trapalhadas do Governo do qual é líder e dos próprios colegas de situação, pelo destempero e insensatez dos últimos dias.

Usou da expressão “estou aqui falando humildemente”, para esfriar o ânimo. Atitude de um autêntico líder ao pedir diálogo, ao invés de querer enfrentar a maioria. Tem a devida ciência de que não será proveitoso para seu lado, querer medir força com a maioria. Chega de quebrar a cara.

Ah, bom!

Brito disse que não é ‘longa manus’ do governo – espécie de executor de ordens do Palácio Hélio Campos – nem auxiliar do grupo de situação.

“Meu único compromisso é com a defesa de causas que venham a melhorar as condições do Estado e sua gente”. E não se rogou em pedir moderação e apoio do pessoal do G-14, em favor da governabilidade.

Articulação politica

O Governo vem sofrendo e sofrerá derrotas sucessivas na Assembleia porque quer. Não há articulação política que incida sobre uma forma de criar relacionamento civilizado entre os grupos antagônicos.

Se perdurar a “birra”- expressão comumente usada pelo deputado Mecias – não contabilizará ganho algum. E não precisa se curvar as pirraças e rabujices da oposição. Basta ter inteligência e saber lidar com as divergências. Afinal de contas praticar a boa política é saber conviver com os contrários.

pizzollattititiNomeação de Pizzollati é imoral: e ilegal

Está passando ileso do conhecimento de todos – atenção OAB e Ministério Público – uma falta grave cometida pela governadora Suely.

Ao empossar João Pizzollati na Secretaria Extraordinária de Promoção de Investimentos, ela contrariou o artigo 5º da Lei 053, inciso 2 do Regimento Jurídico Único dos Servidores Públicos do Estado de Roraima que veda a nomeação, mesmo que para cargos em comissão, de quem não está em pleno gozo dos seus direitos políticos.

Pizzollati foi condenado – processo já transitado em julgado – por cometimento de uma série de crimes. Prova é que nem candidato foi nas eleições passadas, impedido justamente porque seus direitos políticos foram cassados.

Ficha suja + R$ 104 milhões

Em registro extenso nas páginas do jornal eletrônico Congresso em Foco, Pizzollati é apontado como o político com mais inquéritos da operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal – STF.

É suspeito de ter recebido R$ 11,5 milhões e repassado outros R$ 92 milhões ao PP no esquema da Petrobrás.

Barrado pela Ficha Limpa, será investigado também na Justiça Federal por desvios no Denatran.

Núcleo duro

Em sua delação premiada, o doleiro Alberto Youssef contou que Pizzolati “compunha o grupo de parlamentares do PP que, de maneira estável e permanente, atuava visando a manutenção e operacionalização do esquema”.

Além de Pizzolati, segundo o doleiro, também faziam parte da cúpula os ex-deputados Mário Negromonte (BA) e Pedro Corrêa e o atual deputado Nelson Meurer (PR). Pizzollati é o vice-presidente da Executiva Nacional do PP, Partido que abriga a governadora Suely Campos.

PMDB Vs. PMDB

Jucá e Renan: o PMDB quer mais autonomia perante o Governo de Dilma.
Jucá e Renan: o PMDB quer mais autonomia perante o Governo de Dilma.

Em busca por protagonismo político e na tentativa de se mostrar cada vez mais autônomo o PMDB irá anunciar três novas bandeiras que o partido irá defender no Congresso.

Apoiará a redução do número de ministérios, pedirá que seja vetado o aumento do Fundo Partidário e trabalhará pela desoneração do óleo diesel, embora, na prática, as ações do partido tenham um histórico contraditório sobre esses temas.

Embora a manobra para triplicar o valor para R$ 867 milhões do Fundo Partidário tenha partido de um peemedebista, o senador Romero Jucá, o recuo teria partido de uma “sensibilização” de que, em um momento de ajuste fiscal, inflar o dinheiro para políticos gastarem com propaganda.

Uma nova fuga na PA

Estava demorando, mas, para não fugir à regra, nova fuga em massa foi registrada na Penitenciária Agrícola do Monte Cristo.

Onze presos quebraram os cadeados das celas e pularam o muro da unidade. Durante a fuga, eles atearam fogo no mato para dificultar o trabalho da equipe de buscas.

Essa fuga é o retrato da desordem que impera no Sistema Penitenciário, e o governo, desarmado e impotente, deverá anunciar nova medida de emergência.

caminhos da memóriaCAMINHOS DA MEMÓRIA | A prefeita Teresa Surita inaugurou ontem, em frente à igreja Matriz, a primeira placa do projeto Caminhos de Memória. Por meio de fotografias, aquarelas e gravurasos apaixonados e curiosos pela história da capital vão conhecer a Boa Vista de 1785 a 1988. São 100 placas sinalizadoras que serão colocadas em um roteiro e formarão um “city tour”, que vai abranger pontos importantes da cidade. Avenida Ene Garcez, Centro Cívico, avenida Jaime Brasil e Centro Histórico até o Porto do Cimento, situado aonde atualmente encontra-se a Orla Taumanan são alguns dos locais escolhidos. A iniciativa pretende despertar a conscientização e valorização patrimonial, com informações históricas sobre os fatos relevantes de aspectos sociais, políticos e urbanísticos da capital de Roraima.

Vídeo revelador

Encontra-se publicado na página principal do Jornal de S. Paulo – na internet www.folha.com.br – um vídeo que empenha mais ainda a denúncia do procurador Rodrigo Janot sobre o envolvimento dos senadores Romero Jucá e Renan Calheiros, com o esquema de desvio de dinheiro da Petrobrás.

Aparece o delator Paulo Roberto Costa se esforçando para traçar um caminho que foi percorrido até chegar aos dois senadores e relata os encontros e diálogos mantidos com ambos.

E revela que as reuniões ocorriam na residência de Renan e no gabinete de Jucá e nunca tratou-se de outra coisa, senão de cifras.

Wi-fi já está disponível no Terminal de ônibus do centro de Boa Vista.
Wi-fi já está disponível no Terminal de ônibus do centro de Boa Vista.

Internet livre

O acesso à internet gratuita chegou ao terminal principal de ônibus, no centro de Boa Vista e a Praça do Cidade Satélite.

O serviço wi-fi foi inaugurado na quarta-feira, 18. A inclusão digital faz parte do plano de governo da prefeita para levar internet a todas as áreas de lazer da cidade. 

A Praça das Águas e o Parque Germano Augusto Sampaio já disponibilizam o serviço. O próximo local a receber o serviço é a Praça da Amoca, no bairro Caçari.

 CONTATOS: www.peronico.com.br – e-mail: peronico.27@gmail.com – Facebook: Peronnico Expedito

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts