“Bondoso”, Denarium antecipa pagamento de salários de todos os servidores para hoje, dia de sua convenção. Por que será?

Compartilhe nosso conteúdo!

Antonio Denarium (PP) mandou pagar nesta terça-feira (26) o salário dos servidores. A antecipação jamais ocorrida não é por acaso: ela ocorre justamente para o dia da convenção do partido do governador que acontecerá hoje a partir das 17 horas no Parque Anauá, onde será homologada sua candidatura à reeleição.

A tática expõe um certo desespero do grupo do governador que quer juntar o maior número de pessoas no evento e para isso pagar salário com bastante antecedência à data normal, que geralmente é o último dia útil do mês, significa que se torna obrigatório a presença no evento principalmente dos cargos comissionados, que serão exibidos como massa de campanha para compor a fotografia numerosa que será mostrada nas redes sociais.

Essa conduta é usual e execrável, próprio de governos totalitaristas que se caracterizam pelo domínio absoluto sobre as pessoas, sobretudo de quem presta serviço temporário, no caso aqueles investidos em funções de confiança (cargos comissionados) que podem ser demitidos a qualquer momento.

Na pré-convenção do Denarium, ocorrida no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) era essa a predominância dos presentes: 90% de cargos comissionados e de pessoas agregadas, ocupantes igualmente de funções comissionadas em gabinetes de deputados, senadores e afilhados de prefeitos e vereadores, também bancadas pelo erário.

Pelo anuncio do Governo, feito através da Secretaria da Fazenda (Sefaz), serão pagos os salários dos mais de 25 mil servidores do Estado, das administrações direta e indireta, gerando uma injeção de dinheiro na ordem de R$ 220 milhões na economia local.

Ora essa bondade toda do governador nessa época eleitoral e na véspera de sua convenção, não tem nada a ver com a generosidade de Denarium tampouco por denodo ao valor do servidor estadual. Não. É tática eleitoreira e serve como “estimulo”, obrigando essa grande massa de trabalhadores a se juntar ao “rebanho” oficial que formará a pilha de gente que é esperada na convenção, a fim de encher todos os quadrantes da fotografia, que será volumosa e vistosa, óbvio.

O pagamento de salários nesta terça, faltando 5 dias para findar o mês, só foi possível porque o governo ordenou que as secretarias de Administração e de Fazenda fizessem até o impossível para fechar a folha de julho a tempo de ser enviada para os bancos e garantir o pagamento nas primeiras horas de hoje (26). Tanto que pelo calendário oficial do próprio Governo, o salário de julho será efetuado no dia 28. Então porque essa antecipação assim de repente sem um motivo aparente? Geralmente isso ocorre em datas especiais (como aniversário do Estado) eu em feriados prolongados.

Portanto quem tiver o cuidado de verificar as redes sociais a partir do final da convenção de amanhã – porque certamente as fotos estarão expostas nos perfis no Facebook, Instagram, Twitter e etc, – verão muitas caras conhecidas que estão abancadas em cargos comissionados em todas as repartições do governo e gabinetes de políticos aliados. E a foto oficial do evento, óbvio, terá aquela característica de grandeza, excessivamente volumosa.

Ah, já que se mostrou generoso com o servidor no mês de julho, Denarium poderia manter o pagamento dos salários dos próximos meses nessa data, ou antecipar ainda mais, né não?! Mas não terá antecipação coisa nenhuma. O calendário dos meses subsequentes a julho já está com o calendário definido: agosto (31); setembro (29); outubro (27); novembro (30); e dezembro (22). A segunda parcela do 13º salário será paga dia 30 de novembro, junto com o salário do mês.

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts