Telmário é condenado pela Justiça Eleitoral por ofender o concorrente Hiran Gonçalves.

Compartilhe nosso conteúdo!

O senador Telmário Mota (PROS) foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) a pagar R$ 25 mil por fazer publicações ofensivas ao seu maior concorrente no grupo político de Antonio Denarium (PP), o deputado federal Hiran Gonçalves (PP), pré-candidato ao senado. A decisão é desta segunda-feira (20). A Justiça entendeu que o senador estava fazendo pedido negativo de voto. Por já ter sido condenado outras vezes pelo mesmo motivo, ele também recebeu a multa máxima.

Não podemos olvidar que o representado é detentor de mandato eletivo, e em curto espaço de tempo sofreu três condenações pela realização de propaganda antecipada, reprimenda idêntica à desta representação”, destacou a decisão.

A denúncia foi realizada pelo Progressistas (PP). Conforme o documento, o senador teria divulgado, em rede social, mensagens de áudio e cards difamatórios e injuriosos à honra de Hiran Gonçalves (PP).

“Agora eu lamento que o Hiran “teja” recorrendo a esse tipo de “procedimentos”, na hora que eu colocar aqui o inquérito do Hiran quando ele bateu na sogra dele, que ele bateu na mulher dele né? Porque “fragraro” ele fazendo coisa que não é de homem, não vão gostar né Verônica? Não vai gostar né?”.

A defesa do PP retirou o trecho acima de uma conversa em um grupo de Whats App e disse que a citação de Telmário ofende a honra do Hiran. Dessa forma, o partido requereu liminar para que o senador se abstenha de continuar divulgando as mídias apontadas como irregulares, além da aplicação da multa.

Do mesmo modo, Telmário compartilhou ainda cards com críticas sobre o fato de o filho de Hiran Gonçalves manter o filho nomeado no governo com salário de R$ 16 mil.

Com informações: Roraima em Tempo

Compartilhe nosso conteúdo!
By peronico

Expedito Perônico, jornalista e colunista de política. Este blog cobre os bastidores do poder em Roraima e em Brasília. Já atuei nos principais veículos de comunicação de Roraima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts